Brasileiro Série B

Arena Barueri | 21/07/2018

Futebol/Brasileiro Série B

Em jogo quente, Oeste e Paysandu empatam na Arena Barueri

São Paulo , SP
21/07/2018 20:50:50

Em: Brasileiro Série B, Futebol, Oeste, Paysandu

Neste sábado, Oeste e Paysandu se enfrentaram pela 16ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. A partida marcava a estreia do técnico Guilherme Alves pelo Papão. Em um jogo movimentado e cheio de alternativas na Arena Barueri, o resultado final ficou em 2 a 2. Os visitantes abriram 2 a 0, com Thomaz e Willyam, mas cederam o empate. Pedrinho e Carlinhos anotaram para o Rubrão.

O resultado acabou sendo ruim para os dois lados, pois não saem do meio da tabela. O Oeste está em 11º, com 22 pontos ganhos. O Paysandu se aproximou da zona da degola, somando 18 pontos, dois a menos em relação ao Criciúma, primeiro figurante do Z4.

A equipe paulista agora volta a campo na próxima terça-feira, contra o Londrina, no Estádio do Café às 19h15. Já os paraenses recebem o Guarani, no Curuzu às 20h30 (horário de Brasília), também na terça.

Pedrinho foi o autor do primeiro gol do Oeste na partida (Foto: Marcos Bezerra/Oeste FC)

O jogo – O Paysandu começou melhor e dominando todas as ações da partida. Logo aos quatro minutos, saiu na frente. Pedro Carmona cobrou falta, o goleiro Tadeu não fez o corte, e a bola sobrou para Thomaz abrir o placar na Arena Barueri.

Depois do gol, os donos da casa tentaram partir para cima em busca do empate. No entanto, não conseguiam grandes jogadas, apesar de ter a bola. O Papão não perdoou e ampliou aos 23 minutos. O volante Willyam recebeu, ajeitou e mandou um canudo no canto direito do goleiro. Inapelável para Tadeu e 2 a 0 no placar.

O segundo tento deixou o time do Pará um pouco relaxado na partida, o que com que o Rubrão reagisse. Aos 33 minutos, Conrado cruzou da esquerda, e Pedrinho subiu no meio da área livre de marcação para descontar.

A partir daí a partida ficou equilibrada. Com o Oeste quase empatando com Claudinho pegando sobra, mas o gol foi anulado. Assim, o movimentado primeiro tempo acabou em 2 a 1.

Na etapa complementar, o Rubrão voltou disposto a buscar a igualdade, e foi premiado com o esforço. Aos cinco minutos, Pedrinho tocou para Mazinho, que limpou a marcação e bateu na trave. A bola ainda sofreu desvio nas costas de Renan Rocha, e sobrou limpa para Carlinhos só empurrar para o fundo das redes.

O Papão acabou se abalando depois de sofrer o empate rapidamente, e cedia muitos espaços ao adversário. Na sequência, Mazinho fez bela jogada e serviu Lídio, que bateu forte, mas a bola desviou na defesa e se perdeu pela linha de fundo.

Após a pressão, os visitantes voltaram a atacar com Thomaz, que recebeu e bateu forte, mas Tadeu fez bela intervenção de mão trocada.

A partida acabou ficando aberta, com as duas equipes buscando o gol. O Paysandu quase marcou com Edimar de cabeça após cruzamento de Pedro Carmona. As equipes seguiam tendo chances, mas o placar não se alterou, e a partida terminou em 2 a 2.

FICHA TÉCNICA
OESTE 2 X 2 PAYSANDU

Local: Arena Barueri, em Barueri (SP)
Data: 21 de julho de 2018, sábado
Horário: 19h00 (horário de Brasília)
Árbitro: Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (RN)
Assistentes: Vinicius Melo de Lima e Jean Marcio dos Santos (RN)
Público: 907 pagantes
Renda:
R$ 8055,00
Cartões amarelos:
Betinho e Lídio (Oeste); Willyam, Alan Calbergue e Dionathã (Paysandu). 
Cartões vermelhos: –
Gols:
OESTE:
Pedrinho aos 33 minutos do primeiro tempo e Carlinhos aos cinco do segundo tempo.
PAYSANDU: 
Thomaz aos quatro e Willyam aos 23 minutos minutos do primeiro tempo.

OESTE: Tadeu; Adriano Alves (Danielzinho), Joilson, Leandro Amaro, Conrado; Lídio, Betinho, Bonilha; Claudinho (Mazinho), Pedrinho (Raphael Luz) e Carlinhos.
Técnico: Roberto Cavalo

PAYSANDU: Renan Rocha; Matheus Silva (Perema), Edimar, Diego Ivo, Matheus Muller; Willyam (Alan Calbergue), Nando Carandina, Claudinho, Pedro Carmona, Thomaz; Moisés (Dionathã).
Técnico: Guilherme Alves