Futebol/Campeonato Brasileiro

Pablo treina normalmente e pode reforçar o Corinthians no domingo

Thiago Tassi* - São Paulo , SP
12/10/2017 13:47:38

Em: Brasileiro Série A, Corinthians, Futebol, Notícias

Diante de uma ensolarada manhã de feriado, o Corinthians treinou nesta quinta-feira, no CT Joaquim Grava, e contou com uma agradável presença: o zagueiro Pablo, que desfalcou o Timão diante do Coritiba por conta de dores musculares na coxa esquerda, participou normalmente da atividade e pode reforçar a equipe no próximo domingo, contra o Bahia.

Apesar de exames antes do confronto com o Coxa não detectarem nenhum tipo de lesão, o defensor alegou sentir um incômodo na região e foi poupado – após o jogo, inclusive, o técnico Fábio Carille pediu cautela com a situação, lembrando da contusão que o atleta teve contra o Avaí, ainda no primeiro turno. Já na parte final dos exercícios, Pablo dirigiu-se à academia para concluir o trabalho.

Além dele, Carille teve outras duas novidades nesta quinta: o zagueiro Léo Santos, recuperado de pubalgia, e o volante Paulo Roberto, livre da lesão muscular na coxa esquerda, também treinaram normalmente. O defensor apenas correu em volta do campo nos últimos dias, enquanto o meia havia ficado na parte interna do CT.

Enquanto o treino acontecia, os jogadores que iniciaram a partida desta quarta-feira, que consolidou ainda mais o Timão na liderança do Brasileirão, permaneceram nas dependências do local apenas para trabalhos regenerativos. A única exceção foi Cássio, que participou da forte atividade do preparador Mauri Costa Lima.

Vale ressaltar que, já quando as atividades foram encerradas, o atacante Carlinhos, recém-promovido da base para o elenco profissional, permaneceu no campo para aprimorar as finalizações.

Em preparação para o duelo diante do Bahia, no próximo domingo, às 19h (de Brasília), na Fonte Nova, o Corinthians volta ao CT Joaquim Grava na manhã desta sexta-feira. Para o confronto, válido pela 28ª rodada do Brasileirão, a equipe conta com os retornos certos de Fagner e Romero, livres de suspensão. O volante Gabriel, punido pelo gesto obsceno no último Majestoso, tem de cumprir mais um jogo.

*Especial para a Gazeta Esportiva