Brasileiro Série A

Nilton Santos | 1/6/2019 - 16:0

Futebol

Flamengo vence a primeira sem Abel com dois gols de Gabriel

Gazeta Press - Rio de Janeiro , RJ
01/06/2019 18:09:42 — 01/06/2019 20:19:38

Em: Brasileiro Série A, Escolha do editor, Flamengo, Fortaleza
Gabigol marcou os dois gols do Flamengo (Foto: CRF)

Em sua primeira partida após a saída do técnico Abel Braga, o Flamengo venceu. Neste sábado, no estádio Nilton Santos, o Rubro-Negro fez uma boa apresentação diante do Fortaleza, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro, e saiu de campo com uma vitória por 2 a 0. Gabigol marcou os dois gols do jogo e se igualou a Bruno Henrique na artilharia da competição.

A vitória, a segunda seguida, levou o Flamengo aos 13 pontos na tabela do Brasileirão, e a equipe dorme na vice-liderança, com a mesmo pontuação do líder Palmeiras, que visita a Chapecoense neste domingo. O Fortaleza, por sua vez, estacionou com 7 pontos e flerta com a zona do rebaixamento.

O próximo compromisso do Flamengo no Brasileirão será o clássico contra o Fluminense, no domingo, 9 de junho, no Maracanã. Antes, na próxima terça-feira, o Rubro-Negro recebe o Corinthians para o jogo de volta das oitavas da Copa do Brasil, também no Maraca. O Flamengo venceu o jogo de ida por 1 a 0, no Itaquerão. Já o Fortaleza visita o Grêmio na Arena, no sábado.

O JOGO

Flamengo e Fortaleza fizeram um duelo movimentado no Engenhão. Na primeira etapa, o Rubro-Negro dominou amplamente a partida, criando muitas oportunidades de gol, enquanto a equipe cearense tentava se segurar na defesa e explorar os contra-ataques. O Fortaleza passou a maior parte do tempo em seu campo, com o Flamengo tocando a bola e buscando a penetração.

Mas foi o Tricolor que chegou primeiro no ataque, em jogada de André Luís. O atacante fez jogada pela direita, e, próximo à área, arriscou de longe, mas Diego Alves defendeu com tranquilidade.

A primeira jogada de perigo do Flamengo foi aos sete minutos. Arrascaeta cruzou do bico da área pela esquerda e achou Everton Ribeiro entrando pelo outro lado. O meia-atacante tocou de chapa para William Arão na entrada da pequena área, e o volante tentou a virada, mas mandou por cima do gol.

Os mesmos três atores protagonizaram outra boa jogada aos 14. Everton Ribeiro avançou pela direita e tocou em profundidade para Arão, que foi à linha de fundo e cruzou. A zaga rebateu e Arrascaeta tentou de voleio, mas o lateral Gabriel Dias cortou em cima da linha e impediu o primeiro gol.

O Fortaleza respondeu aos 18 em jogada de velocidade de Marcinho, que avançou pelo meio e tentou o chute. Diego Alves não teve problemas para defender.

Dois minutos depois, o Fla voltou a carga. Everton Ribeiro começou a jogada pela direita e deu para Pará na área. O lateral levantou para o meio, a zaga rebateu e a bola sobrou para Trauco, na entrada da área. O peruano tentou o chute, a bola desviou na zaga e sobrou para Everton Ribeiro, livre na frente do goleiro, mas ele tocou mal na bola e mandou para fora.

Aos 27, Arrascaeta fel belo lançamento em profundidade para Gabigol pela esquerda. O atacante avançou e tocou para Diego que vinha pelo meio, mas o meia bateu fraco na bola e no meio do gol, facilitando o trabalho de Marcelo Boeck.

O gol quase saiu na cobrança de uma falta de frente para a àrea pela direita, aos 31. Diego acertou o travessão, a bola voltou e Arrascaeta tentou o cabeceio, mas a bola subiu e Rodrigo Caio finalizou também de cabeça. Marcelo Boeck voou e fez linda defesa para salvar o Fortaleza.

Depois de muita pressão, o gol finalmente saiu aos 40, em bela tabela to ataque do Fla. Arrascaeta começou a jogada pela direita e rolou para Diego na linha da área pelo meio. O meia enfiou na área para Everton Ribeiro, que tocou de calcanhar para a entrada de Arrascaeta. O uruguaio devolveu para o meio e Gabriel empurrou para o gol vazio.

(Foto: Alexandre Vidal/CRF)

As duas equipes retornaram sem alterações para o segundo tempo, que começou do mesmo jeito que terminou a etapa inicial. Aos 2, Everton Ribeiro dominou na entrada da área pela direita e viu Cuéllar entrando pelo meio. Com um belo toque, ele colocou o colombiano de frente para o goleiro, mas Marcelo Boeck saiu bem e defendeu para escanteio.

Na sequência, Everton Ribeiro e Arão tabelaram pela direita e o volante levantou na área para Léo Duarte, que disputou de cabeça com a marcação e mandou para fora.

O Fortaleza quase empatou aos 8. Jogada em velocidade pela direita, Romarinho foi ao fundo, se livrou do marcador e cruzou. Marcinho entrou pelo meio e cabeceou forte, mas Diego Alves fez grande defesa e salvou o empate.

Aos 15, em outra bela tabela do ataque do Flamengo, a bola foi de pé em pé até que Diego tocou para Gabigol na área, e o atacante chutou por cima do gol.

Aos 22, Arrascaeta enfiou para Gabriel, que, na mesma linha da zaga, tocou na saída de Marcelo Boeck. O assistente assinalou o impedimento e o gol foi anulado. O VAR, porém entrou em ação e o árbitro voltou atrás e validou o lance.

Com dois 2 a 0 no placar, o Flamengo diminuiu o ritmo. Pensando no duelo decisivo contra o Corinthians, o técnico Marcelo Salles começou a trocar algumas peças. O primeiro a sair foi Everton Ribeiro, o melhor em campo, substituído por Vitinho aos 25. Dez minutos depois, Berrío entrou no lugar de Diego.

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO 2 X 0 FORTALEZA

Local: Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 1 de junho de 2019 (Sábado)
Horário: 16h(de Brasília)
Árbitro: Rodrigo D’alonso Ferreira (SC)
Assistentes: Alex dos Santos (SC) e Henrique Neu Ribeiro (SC)
Renda: R$ 458.146,00
Público: 37.658 (35.725 pagantes)

Cartões amarelos: Léo Duarte (Fla)

Gols:
FLAMENGO: Gabriel, aos 40 min do 1º tempo, e aos 25 min do 2º tempo

FLAMENGO: Diego Alves, Pará, Rodrigo Caio, Léo Duarte e Miguel Trauco; Gustavo Cuéllar (Piris da Motta), William Arão, Diego (Berrio) e De Arrascaeta; Everton Ribeiro (Vitinho) e Gabriel
Técnico: Marcelo Salles

FORTALEZA: Marcelo Boeck, Gabriel Dias, Juan Quintero, Roger e Bruno Melo; Paulo Roberto (Dodô), Juninho, Romarinho e Marcinho (Marlon); André Luís (Osvaldo) e Kieza
Técnico: Rogério Ceni

Ads – Rodapé Posts




Escalação
Flamengo

Diego Alves


Pará


Leonardo Duarte


Rodrigo Caio


Miguel Trauco


Willian Arão


Gustavo Cuellar


Diego


Éverton Ribeiro


De Arrascaeta


Gabriel Barbosa


Vitinho


Orlando Berrío


Piris da Motta


Tec - Marcelo Salles
Fortaleza

Marcelo Boeck


Juan Quintero


Roger Carvalho


Bruno Melo


Gabriel Dias


Paulo Roberto


Juninho Valoura


Marcinho


André Luis


Kieza


Romarinho


Osvaldo


Dodô


Marlon


Rogério Ceni - Tec

Posse de bola

68%
32%
Corinthians
Santos
999
Corinthians

Passe

999
Santos
999
Corinthians

Finalização

999
Santos
999
Corinthians

Cruzamento

999
Santos
999
Corinthians

Desarme

999
Santos

Faltas

24
COR
×
15
SAN

Impedimentos

24
COR
×
15
SAN

Cartões amarelos

24
COR
×
15
SAN

Cartões vermelhos

24
COR
×
15
SAN

Estatísticas de jogadores

Corinthians

LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner

Santos

LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
Estatísticas de jogadores