Santistas pedem pintura de Cléber Santana no muro do CT; artista aceita

Do correspondente Vitor Anjos - Santos,SP

03-12-2016 17:01:27

As pessoas que passam na frente do CT Rei Pelé, em Santos, já devem ter reparado nas pinturas especiais que ficam no muro do centro de treinamentos. Desde 2011, o artista plástico Paulo Consentino passou a pintar os ídolos do clube e eternizá-los no local, que pode ganhar mais um homenageado nos próximos meses.

Por meio das redes sociais, um grupo de torcedores começou uma campanha para que Cléber Santana também tenha uma pintura no CT. Entre 2006 e 2007, o meia foi um dos destaques do Peixe e viveu o melhor momento de sua carreira, conquistando duas edições do Campeonato Paulista. Aos 35 anos, ele também passava por uma boa fase, sendo capitão e líder da Chapecoense, que disputaria a final da Copa Sul-Americana. Porém, a tragédia na Colômbia acabou com o sonho do jogador, que foi uma das 71 vítimas fatais do acidente aéreo.

A campanha para que Cléber seja pintado no murou chegou até o clube, que estuda a possibilidade. Já o artista Paulo Consentino, que também é santista fanático, aceitou o convite para eternizar o meia no CT Rei Pelé. O zagueiro Neto, que foi um dos seis sobreviventes da tragédia e passou pelo Santos entre 2013 e 2014, também pode ser homenageado no local.

"Faço com muito carinho, mas com lágrimas nos olhos, pela imensa tristeza que esta tragédia representa para o futebol. Gostaria de dizer aos torcedores do Santos que aceito e desejo homenagear Cléber Santana e Neto no muro do CT Rei Pelé", afirmou Consentino, por meio das redes sociais.

Deixe seu comentário