Kerber cai nas oitavas mais uma vez na China; Radwanska vence

São Paulo, SP

06-10-2016 09:39:46

Ser a número um do mundo nem sempre é sinônimo de vitória. No Aberto da China, a alemã Angelique Kerber foi derrotada pela ucraniana Elina Svitolina, 19ª no ranking da WTA, nas oitavas de final por 2 sets a 0, parciais de 6/3 e 7/5. No final de setembro, já como líder do ranking mundial, Kerber também foi eliminada nas oitavas de final do Premier de Wuhan, na China, pela tcheca Petra Kvitova.

Campeã do Aberto da Austrália e do Aberto dos Estados Unidos, Kerber conquistou uma quebra no terceiro game, mas sofreu dois revezes em seu serviço e Svitolina abriu 5/3 no placar. No decisivo game, a alemã fez jogo duro e teve seis break points, todos salvos pela rival.

A segunda parcial foi parecida. Com um forte começo, a número um quebrou o primeiro serviço de Svitolina e abriu 3/0. A ucraniana, contudo, se recuperou e conseguiu virar o placar e fechar a partida no 12º game.

Agora nas quartas de final, Svitolina irá enfrentar a australiana Daria Gavrilova, número 49 do mundo, que venceu Caroline Garcia (25º), da França, nas oitavas de final.

Agnieszka Radwanska of Poland celebrates beating Caroline Wozniacki of Denmark in their third round women's singles match at the China Open tennis tournament in Beijing on October 6, 2016. / AFP PHOTO / WANG ZHAO
Radwanska venceu e segue forte no torneio da China (Foto: Wang Zhao/AFP)

Quem gostou da derrota de Kerber foi a polonesa Agnieszka Radwanska, número três da WTA. Em sua partida, a tenista derrotou Caroline Wozniacki (22ª) com facilidade em dois sets diretos, parciais de 6/3 e 6/1, e se tornou a melhor ranqueada cabeça de chave do torneio.

Radwanska começou perdendo, mas conseguiu três quebras de serviço e derrotou a dinamarquesa em menos de quarenta minutos. O mesmo domínio foi imposto na segunda parcial. Quebrando os dois primeiros serviços de Wozniacki, a polonesa abriu 4/0, sofreu uma quebra, mas voltou a conquistar o ponto no saque rival e fechou a partida.

Nas quartas de final, Agniezska enfrenta a vencedora entre Alize Cornet (58ª), da França, e Yaroslava Shvedova (39ª), do Cazaquistão.

Deixe seu comentário