Com renovação e Caixa encaminhada, Santos espera camisa 'cheia' em 2017

Do correspondente Vitor Anjos - Santos,SP

16-12-2016 19:28:04

Caixa vem estampando sua marca na camisa do Peixe desde outubro e deve seguir em 2017 (Foto: Ivan Storti/ Santos FC)
Caixa vem estampando sua marca na camisa do Peixe desde outubro e deve seguir em 2017 (Foto: Ivan Storti/ Santos FC)

O Santos renovou o patrocínio com a Algar até o fim de 2018. Depois de alguns acordos pontuais em 2015, a empresa de soluções em tecnologia estampou o peito e a barra traseira do uniforme do Peixe nesta temporada e também estará presente no próximo ano. Porém, o departamento de marketing do alvinegro não quer parar por aí.

Após anunciar o acerto com a Algar, os santistas planejam definir a Caixa Econômica Federal como patrocinador master do uniforme em janeiro de 2017. As negociações estão avançadas, e o clube prevê, no mínimo, um acordo por R$ 15 milhões ao ano.

A Caixa estampou o espaço master do uniforme santista nos últimos três meses de 2016 e pagou R$ 2 milhões pelo período. A ideia da diretoria é ter o uniforme 'fechado' para a disputa da Copa Libertadores da América. Afinal, o Peixe também deve seguir como parceiro da Royal Air Maroc e Sil. O objetivo é arrecadar ao menos R$ 20 milhões em patrocínios durante a próxima temporada.

O Santos não tinha um patrocinador master desde 2013, quando a BMG deixou o clube. De lá pra cá, vários patrocínios pontuais passaram pela parte nobre da camisa, mas nenhum definitivo. Em 2014, a Huawei chegou a fazer um acordo parecido com o atual da Caixa. A empresa chinesa foi parceira por dois meses, também na reta final daquela temporada, mas acabou não permanecendo em 2015.

Deixe seu comentário