Andrezinho foca no Remo, mas critica atitude rubro-negra antes do clássico

Gazeta Press - Rio de Janeiro,RJ

25-04-2016 21:24:50

Andrezinho acredita que atitude dos jogadores do Flamengo foi um desrespeito com as crianças (Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)
Andrezinho acredita que atitude dos jogadores do Flamengo foi um desrespeito com as crianças (Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)

O Vasco voltou aos treinos nesta segunda-feira após a classificação para a final do Campeonato Carioca. No entanto, os cruzmaltinos terão pouco tempo de descanso, já que decidem a vaga para a Segunda Fase da Copa do Brasil nesta quarta-feira, contra o Remo, em São Januário. O meia Andrezinho afirmou que o elenco é experiente e já está focado no próximo compromisso.

"Claro que ficamos muito felizes de vencer o maior rival, ainda mais classificando para uma final, campeonato importante como o Carioca. Esse grupo já mostrou que é maduro suficiente, temos que mudar a chave e isso já foi feito. Comemoramos ontem, hoje o Jorginho mobilizou todo o grupo", disse.

Andrezinho falou sobre a volta ao Maracanã, mas lembrou que o pensamento do Vasco está apenas no duelo contra o Remo. "Todo garoto tem sonho de jogar no Maracanã, nós somos privilegiados. Mas hoje nosso foco é o Remo, a gente sabe que no futebol o céu e o inferno são muito próximos. Temos que passar de fase e a partir de quinta-feira pensar no Botafogo. Já tive oportunidade de jogar várias vezes no Maracanã, não tem comparação com qualquer outro estádio do mundo", declarou.

O meia também comentou sobre a possibilidade do técnico Jorginho escalar uma equipe mista, poupando alguns jogadores para não sofrer com o desgaste físico. Andrezinho ressaltou que todo atleta quer estar em campo, mas deixou a decisão nas mãos do comandante. "Se o Jorginho perguntar, tenho certeza que todos vão querer jogar. Eu não gosto de ficar fora, principalmente no momento bom da equipe, momento bom particular. Mas é uma decisão da comissão técnica. Trabalho é muito bem feito, a equipe vem correspondendo. A gente tem que separar a razão da emoção", afirmou.

Por fim, o meia respondeu sobre a entrada em campo do Flamengo no clássico deste domingo. Os rubro-negros quebraram o protocolo, foram para o gramado antes do Vasco e fincaram uma bandeira do clube da Gávea no centro. Andrezinho ressaltou que os vascaínos não ficaram mais motivados pelo que foi feito, mas criticou a atitude do rival.

"Não que motivou, até porque jogar um jogo dessa grandeza não precisa de mais nada. Ali a gente estava concentrado, para falar a verdade foi uma surpresa o que eles fizeram. Eu acredito que cada um tem uma maneira de agir, motivar, quem somos nós para julgar uma atitude de alguém? Mas eu já fui criança, torcedor, sei o que é esperar estar perto do ídolo. As crianças de Manaus ficaram frustradas. Eu não faria aquilo. Tem que ter respeito com patrimônio de qualquer equipe", finalizou.

Deixe seu comentário