Gazeta Esportiva

Treinador da Sérvia analisa derrota para o Brasil e desabafa: "Não temos jogadores saudáveis"

São Paulo, SP

24/11/22 | 21:43 - 24/11/22 | 23:29

A Copa do Mundo começou oficialmente para o Brasil e para a Sérvia. Nesta quinta-feira, as duas seleções se enfrentaram no Estádio Lusail, pela primeira rodada da fase de grupos do mundial. Os brasileiros saíram com a vitória por 2 a 0, com dois gols de Richarlison, placar que rendeu comentários do treinador sérvio.

Os dois gols do Brasil vieram já no segundo tempo, após uma etapa inicial bastante equilibrada. Dragan Stojkovic, o técnico da Sérvia, falou sobre a queda de rendimento da equipe após o intervalo.

"No segundo tempo, estivemos mal fisicamente, para não dizer desastrosos. Foi surpreendente para mim. Fiquei chocado com o quanto caímos nesse aspecto e gostaria de entender por que isso ocorreu", comentou o treinador em coletiva.


Antes da partida, Stojkovic havia dito que sua equipe não tinha medo do Brasil. Após a derrota, no entanto, o técnico voltou a falar das condições de seus atletas. Vlahovic entrou só no segundo tempo, com Mitrovic - que era dúvida - titular. Kostic, ala esquerdo, não jogou.

"Não é sobre tática (a derrota). Lamento que tenhamos falhado fisicamente. Não temos jogadores saudáveis, essa é a verdade. Temos que descansar o máximo possível e decidir nosso destino nos próximos jogos. Espero, sinceramente, que possamos contar com Kostic contra Camarões (próximo jogo). Poderíamos ter jogado muito melhor contra o Brasil", concluiu o técnico.

Agora, a Sérvia volta a campo na próxima segunda-feira, às 7 horas (de Brasília), para enfrentar a seleção de Camarões. Já o Brasil encara a Suíça no mesmo dia, às 13 horas.

Deixe seu comentário