Gazeta Esportiva

Técnico da Sérvia afirma que sua equipe não tem medo do Brasil

AFP - São Paulo,SP

23/11/22 | 13:49

A Sérvia não tem medo do Brasil, adversário na estreia na Copa do Mundo do Catar, e tentará jogar "com inteligência" para somar pontos que aproximem a equipe das oitavas de final, disse nesta quarta-feira o técnico Dragan Stojkovic.

"O jogo começa 0 a 0, portanto o Brasil tem chance de ganhar, mas a Sérvia também. Não temos medo de nenhuma equipe, incluindo o Brasil, porque não precisamos ter medo de ninguém", disse Stojkovic em entrevista coletiva em Doha.

O treinador, que disputou duas Copas do Mundo como jogador pela antiga Iugoslávia (1990 e 1998), afirmou que seus comandados vão jogar "o melhor futebol" para neutralizar o poderoso ataque brasileiro.

"O Brasil é uma excelente equipe, uma das melhores do mundo. Creio que tem uma geração de ouro neste momento. Esperamos um grande jogo, muito difícil, mas como time temos que nos concentrar em nós mesmos", analisou Stojkovic.

"A inteligência faz toda a diferença, e esse é o tipo de futebol que queremos jogar", acrescentou. "Tentaremos que fazer todos os pontos possíveis para passar de fase, esse é o nosso objetivo".

Mas "se não ganharmos do Brasil, não será o fim do mundo. Faremos um jogo limpo para que a Sérvia se sinta orgulhosa. Se perdermos, vamos parabenizar nossos adversários e continuaremos a nos preparar. Não vamos desistir facilmente", prometeu o treinador.

A Sérvia, que mandou a seleção portuguesa de Cristiano Ronaldo para a repescagem europeia, tem no ataque seus jogadores mais importantes: Aleksandar Mitrovic (Fulham/ENG), Dusan Vlahovic (Juventus/ITA), Dusan Tadic (Ajax/Holanda) e Luka Jovic (Fiorentina/ITA).

"O Brasil é uma grande equipe em termos de coletivo e individual, mas estamos focados em nossa grande seleção e para que nosso país se sinta orgulhoso de nós", afirmou Tadic, capitão da seleção sérvia.

Sojkovic não confirmou o time titular que vai enfrentar o Brasil no estádio Lusail, e se mostrou otimista com a recuperação de Mitrovic, autor de 14 gols em 13 jogos das Eliminatórias Europeias e na Liga das Nações.

"É uma grande dúvida se ele vai estar conosco amanhã, porque está com problemas musculares", afirmou.

Deixe seu comentário