Gazeta Esportiva

Com assistência de Mané, Senegal vence Guiné Equatorial e avança à semifinal

São Paulo, SP

30/01/22 | 18:20

O Senegal confirmou o favoritismo e venceu a Guiné Equatorial por 3 a 1 neste domingo, pela Copa Africana de Nações. Agora, a seleção encara Burkina Faso na quarta-feira, às 16 horas (de Brasília), buscando a vaga na grande decisão.

Sadio Mané fez ótima atuação e contribuiu com uma assistência para o gol de Diedhiou, que abriu o placar. Além dele, Kouyaté e Sarr marcaram para a seleção senegalesa. Jannick Buyla descontou para Guiné Equatorial.


A primeira etapa foi de amplo domínio de Senegal. A equipe pressionou e conseguiu abrir o placar em boa jogada de Mané, aos 28. O atacante do Liverpool deu ótimo passe para Diedhiou, que invadiu a área e bateu firme para marcar.

Já no segundo tempo, a Guiné surpreendeu e vazou a defesa senegalesa pela primeira vez no torneio. Em ótimo lance trabalhado de pé em pé, aos 12, Pablo Ganet achou Jannick Buyla. O centroavante teve frieza e, com categoria, finalizou de trivela para superar o goleiro Mendy.

Senegal, então, decidiu o jogo com a estrela de seu técnico, Aliou Cisse. O comandante colocou na partida o volante Kouyaté e o atacante Sarr, que mudaram o rumo do confronto. Aos 23, o meio-campista aproveitou sobra na área para marcar o segundo. Já aos 34, Sarr aproveitou cruzamento e matou o jogo para os favoritos.

Deixe seu comentário