São Paulo sai na frente, mas cede empate para o Flu e segue em jejum

José Victor Ligero - São Paulo, SP
25/06/2017 17:55:20 — 25/06/2017 21:47:21

Em: Brasileiro Série A, Fluminense, Futebol, São Paulo

O São Paulo segue navegando em maré turbulenta no Campeonato Brasileiro. Na fria tarde deste domingo, o Tricolor paulista só empatou com o Fluminense, por 1 a 1, no Morumbi, e agora amarga um jejum de cinco jogos seguidos sem vitórias (três derrotas e dois empates) na competição, que chegou à sua décima rodada.

Com um esquema mais ofensivo (4-3-2-1), o time treinado por Rogério Ceni abriu o placar logo aos seis minutos de jogo, com Jucilei, que marcou o seu primeiro gol em 24 partidas com a camisa tricolor. O São Paulo, contudo, recuou e viu os cariocas exigirem bastante de Renan Ribeiro, que não conseguiu defender o chute de Wendel no começo da etapa final.

Com o resultado, o São Paulo perdeu duas posições e caiu para o 16º lugar, com meros 11 pontos ganhos, flertando perigosamente com a zona de rebaixamento. Em baixa, o time do Morumbi tentará, enfim, se reabilitar na competição nacional fora de casa, diante do Flamengo, às 16 horas (de Brasília) do próximo domingo.

Já o Fluminense, oitavo colocado, com 15 pontos, terá um mata-mata antes de voltar a jogar pelo Brasileirão: na quinta-feira, às 21h45, duelará com o Universidad de Quito, no Maracanã, pela segunda fase da Copa Sul-Americana. Depois, na segunda, dia 3 de julho, às 20 horas, receberá a Chapecoense.

O jogo – O São Paulo começou melhor e só demorou seis minutos para fazer sua torcida comemorar. Após cobrança de falta pela direita, Henrique cortou mal, a bola sobrou para Denilson, que deixou para Jucilei só tocar para a rede, deixando o Tricolor paulista em vantagem.

Com bastante movimentação no ataque, o time da casa quase ampliou quatro minutos depois. Em cobrança ensaiada de escanteio, Cueva cruzou na direção da meia-lua para Marcinho pegar de primeira, passando rente à trave direita de Julio César.

Apos poucos, porém, os cariocas foram melhorando e passaram a rondar mais a área paulista. Aos 27 minutos, Richarlison avançou pela esquerda e cruzou limpo no segundo pau para Henrique Dourado, livre de marcação. O centroavante tentou cabecear no contrapé de Renan Ribeiro, que salvou o São Paulo do empate com o pé direito.

Aparentemente satisfeito com o resultado parcial, o São Paulo recuou em demasia e precisou que seu goleiro o salvasse novamente aos 38 minutos, praticando duas defesas à queima roupa. Após novo cruzamento pela esquerda, Dourado finalizou com o pé. Renan espalmou. No rebote, Calazans chutou e o arqueiro salvou mais uma vez com o corpo, antes de o árbitro anotar falta e paralisar o lance.

Mas todo o esforço que Renan Ribeiro fez nos últimos minutos do primeiro tempo para manter o Tricolor paulista em vantagem se tornou inútil aos seis minutos da etapa final. Em cobrança de falta na intermediária, Gustavo Scarpa rolou para Wendel, que puxou para o meio e soltou a bomba. A bola saiu com força e só parou no fundo do gol, no canto direito de Renan.

Aos 13 minutos, quase a virada carioca. Wendel encontrou Scarpa livre na entrada da área. O camisa 10 arriscou de longe, mas parou no goleiro são-paulino, que fez outra grande defesa. Vendo seu time sem poder de reação, Rogério Ceni sacou Cueva para a entrada de Lucas Fernandes.

E foi com o garoto que, enfim, o São Paulo voltou a ameaçar a meta carioca. Aos 26, Lucas recebeu de Pratto e chutou de fora da área, exigindo grande defesa de Julio César. Quatro minutos depois, o meia por pouco não desempatou em novo arremate de longe, tirando tinta do travessão.

Na base do abafa, o São Paulo tentou desempatar, mas encontrou um forte sistema defensivo do time carioca, que conseguiu segurar o empate até o fim e manteve o jejum paulista.

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO 1 X 1 FLUMINENSE

Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 25 de junho de 2017, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Anderson Daronco (FIFA-RS)
Assistentes: Rafael da Silva Alves e Elio Nepomuceno de Andrade Junior (ambos do RS)
Público: 17.742 torcedores
Renda: R$ 448.293,00
Cartão Amarelo: Lugano (São Paulo); Lucas (Fluminense)
Cartão Vermelho:-
Gols:

SÃO PAULO: Jucilei, aos seis minutos do 1º tempo
FLUMINENSE: Wendel, aos seis minutos do 2º tempo

SÃO PAULO: Renan Ribeiro; Araruna, Lugano, Rodrigo Caio e Júnior Tavares; Jucilei, Thiago Mendes e Cueva (Lucas Fernandes); Marcinho, Denilson (Thomaz) e Lucas Pratto
Técnico: Rogério Ceni

FLUMINENSE: Julio César; Lucas, Henrique, Reginaldo e Léo; Orejuela, Wendel (Marquinho), Marcos Calazans (Wellington Silva) e Gustavo Scarpa (Renato); Richarlison e Henrique Dourado
Técnico: Abel Braga