São Paulo chega ao oitavo jogo consecutivo sofrendo gols

São Paulo, SP

27-09-2020 07:30:26

Neste sábado, o São Paulo empatou por 1 a 1 com o Internacional, no Beira-Rio, e os jogadores saíram de campo com um gosto amargo. O time atuou por quase 40 minutos com um atleta a mais, já que Zé Gabriel foi expulso. Além disso, a defesa voltou a preocupar, sendo vazada na primeira etapa pelo alto e aumentando o número de jogos com gols sofridos pela equipe.

O empate com o Inter é a oitava partida consecutiva na qual o São Paulo vê o adversário marcar. A última vez que o time permaneceu os 90 minutos sem ser vazado foi contra o Athletico Paranaense, no Morumbi, na vitória por 1 a 0.

Desde então, são 14 gols sofridos em oito partidas, uma média de 1,75 tentos por confronto. Além disso, chama a atenção que o Tricolor voltou a ser vulnerável pelo alto. Afinal, na última terça-feira, a LDU também abriu o placar com um gol de cabeça.


Após a partida deste sábado, Diniz comentou sobre a performance da defesa no duelo com o Internacional. Na visão do técnico, o time apresentou uma evolução na retaguarda em relação aos últimos jogos. O comandante do Tricolor também destacou a importância da marcação coletiva da equipe.

"Hoje a gente conseguiu jogar bem defensivamente. Se eu já falei isso, é porque claramente estava desgostoso com o nosso rendimento nos jogos anteriores. Às vezes a gente reduz a análise e acha que o problema está na linha de quatro defensiva, principalmente nos dois zagueiros. Não é isso. Hoje, o time marcou bem, porque todo mundo marcou. Eu acredito muito na força do sistema de marcação", analisou Diniz.

"A gente soube pressionar muito bem a bola e recuperar a segunda bola. A gente soube baixar as linhas em poucos momentos e dar pouco espaço ao Inter. Quando o time falha e o adversário cria chances, não é porque aqueles jogadores da defesa foram mal. É o sistema inteiro que falhou de alguma forma", completou.

Vale destacar que, mesmo com os números defensivos ruins, Diniz permanece apostando na dupla de zaga formada por Diego Costa e Leo, que se tornaram titulares após o empate com o Bahia no Morumbi. Se os dois qualificaram a saída de bola da equipe, por outro lado o time continuou sendo vazado.

Com o empate neste sábado, o São Paulo chegou aos 19 pontos, na terceira colocação do Campeonato Brasileiro. Na quarta-feira que vem, o Tricolor voltará a atuar pela Libertadores, contra o River Plate, em Buenos Aires, às 21h30. Em situação delicada na competição, os comandados de Diniz precisam vencer a qualquer custo.

Deixe seu comentário


×
Quer receber notícias do São Paulo?