Muricy admite autoria de áudio vazado, mas garante sua permanência e a de Ceni no São Paulo

São Paulo, SP

10/12/21 | 15:46 - 10/12/21 | 17:39

O coordenador de futebol do São Paulo, Muricy Ramalho, confirmou a autoria de um áudio vazado nesta sexta-feira em que ele relata seu desejo de deixar o clube após quase ser rebaixado pela primeira vez na história. Ciente da história vitoriosa no Morumbi, Muricy não quer manchá-la, mas, após conversa com Rogério Ceni e a diretoria, parece ter mudado de ideia.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

“Realmente, o áudio é meu. Foi um desabafo com um amigo são-paulino. O que quis dizer é o que o torcedor está sentindo, ou seja, muita tristeza de como está o São Paulo. Esse mês foi muito duro, mexeu demais com a saúde da gente. Não é fácil um clube deste tamanho estar brigando em uma situação dessa. Acho que é muito difícil entender isso”, assumiu Muricy em entrevista ao canal do Arnaldo e Tironi.

O áudio rapidamente começou a circular na internet e acabou com as esperanças dos torcedores em ter Muricy no São Paulo em 2022. Entretanto, após reunião na manhã desta sexta-feira no CT da Barra Funda, o coordenador de futebol permanecerá no cargo, abrindo mão da oportunidade de integrar a comissão técnica de Tite na Copa do Mundo do Catar, em 2022.

“Estamos aqui desde manhã conversando sobre isso, sobre a estrutura, sobre planejamento, já pensando no Campeonato Paulista. Falamos demais em jogadores, não está fácil, queríamos que o Rogério visse nosso trabalho de perto, estamos monitorando vários jogadores, mas temos dificuldades financeiras. Ele sabe disso, mas estamos aqui lutando, e o Rogério também comprou essa ideia, essa briga da gente melhorar o São Paulo. O São Paulo, volto a repetir, não pode estar em uma situação dessa, mas estamos aqui para melhorar. Foi muito legal essa conversa com o Rogério, porque é um cara muito importante nesse planejamento, e a gente junto faz um time mais forte”, disse Muricy.

O coordenador de futebol do São Paulo também indicou que Rogério Ceni seguirá no projeto, embora também tenha deixado em aberto sua permanência no clube em entrevistas recentes. A diretoria se comprometeu a trazer reforços que se encaixam na ideia de jogo do treinador, embora os recursos sejam limitadíssimos.

“É muito importante a permanência dele, porque junto ficamos muito mais fortes, ele está entendendo nossa situação também. Agora, a gente não vai ficar com a cabeça baixa, não. Presidente já está atrás de recursos, tem viagem marcada, a área financeira não participo muito, mas existe a possibilidade, e o Rogério ficou aliviado, porque não é fácil passar o que nós passamos esse ano”, revelou.

“A história que temos no clube aqui, e o clube quase caiu, isso é muito duro pra gente, sofremos demais. Conheço bem o Rogério, sabemos o que ele está sentindo. Mas, as conversas nos deixaram animados, em termos de estrutura, de planejamento. Não é fácil, eles estão buscando investimento há algum tempo. O que não dá é acontecer o que aconteceu esse ano, brigar lá embaixo. A gente vê o que os torcedores apoiaram nos últimos jogos, os caras deram a vida pra gente, ajudaram demais, e a gente tem que dar uma resposta”, completou.

Deixe seu comentário