Futebol/Bastidores

Hudson se surpreende com poucos remanescentes de sua época

Marcelo Baseggio - São Paulo , SP
14/02/2018 09:00:07

Em: Bastidores, Escolha do editor, Futebol, São Paulo

Contratado em 2014 pelo São Paulo após bom desempenho no Botafogo-SP, Hudson viveu altos e baixos em sua primeira passagem pelo Morumbi. De volta após empréstimo ao Cruzeiro, o volante reencontrou menos companheiros que imaginava e apontou o fato como um dos motivos pelos quais o Tricolor vem sofrendo nos últimos anos. Na visão do jogador, é imprescindível para o clube manter seus principais nomes por um período maior para que volte a conquistar títulos.

“Pela minha experiência, acredito que o São Paulo tem que começar a manter uma base por mais tempo. Saí no final de 2016 e hoje volto com dois ou três jogadores da minha época. Acredito que dando sequência para o elenco, assim como foi feito com a comissão técnica, o São Paulo tem tudo para dar certo”, afirmou Hudson.

“A fórmula é essa: manter e reforçar pontualmente a equipe, não fazer muitas mudanças. Hoje em dia o futebol é muito parelho, as equipes se igualam facilmente. O que define o resultado hoje é um detalhe ou outro”, completou.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

No ano passado, o São Paulo se desfez de grandes jogadores ainda no primeiro semestre. Nomes como David Neres, Luiz Araújo, Maicon e Thiago Mendes, considerados de extrema importância para o elenco, acabaram sendo negociados por cifras atraentes, no entanto, embora os cofres tenham enchido de maneira considerável, esportivamente a temporada do clube foi um desastre. Já em 2018 mais um baque com as saídas de Hernanes e Lucas Pratto, que tiveram suas lacunas preenchidas recentemente por Nenê e Diego Souza, respectivamente.

“Acho que o time amadureceu muito no ano passado e se incorporou, criou uma casca pela situação que passou. O clube se reforçou agora, apesar de ter saído dois jogadores importantes, que são Pratto e Hernanes. Chegaram outros jogadores de qualidade, então acredito que temos tudo para fazermos um bom ano”, concluiu Hudson.




×
Quer receber notícias do São Paulo?