Há 10 anos Cicinho fazia sua despedida no São Paulo

São Paulo, SP

06-06-2020 07:00:07

Campeão da Libertadores e do Mundial de Clubes pelo São Paulo, Cicinho fez sua despedida com a camisa tricolor há 10 anos, em 6 de junho de 2010. Com 151 jogos somados, o lateral teve duas passagens no Morumbi e venceu três títulos.

Revelado no Botafogo-SP, o defensor defendeu Atlético-MG e Botafogo até chegar ao clube paulista em 2004. A adaptação foi rápida e Cicinho se transformou em peça fundamental para o time campeão do mundo com Paulo Autuori. Após o destaque, o lateral foi convocado para a Seleção Brasileira e vendido ao Real Madrid.

Cicinho foi campeão da Libertadores e Mundial pelo São Paulo (Foto: Djalma Vassão/Gazeta Press)

De volta ao São Paulo por empréstimo da Roma em 2010, o defensor atuou por seis meses e fez seu último jogo contra o Grêmio, em vitória por 3 a 1 no Morumbi pelo Campeonato Brasileiro. Cicinho atuou aberto pela direita em uma linha de cinco meio-campistas, ao lado de Rodrigo Souto, Hernanes, Marlos e Junior Cesar.

Com o fim do empréstimo, o Tricolor buscou os italianos para prorrogar o vínculo pelo menos até a data das semifinais da Libertadores, mas não houve acerto.

Cicinho encerrou sua segunda passagem pelo São Paulo com um total de 151 jogos, sendo 143 como titular, 88 vitórias, 21 gols e os títulos Paulista, da Libertadores e Mundial de 2005.


Deixe seu comentário


×
Quer receber notícias do São Paulo?