De olho em decisão, São Paulo usará time reserva contra a Ponte

São Paulo , SP
08/02/2019 09:00:01

Em: Campeonato Paulista, Escolha do editor, Futebol, São Paulo

Antes de fazer o jogo de volta contra o Talleres-ARG, o São Paulo tem um compromisso válido pela sexta rodada do Campeonato Paulista. Neste sábado, às 19 horas (de Brasília), o Tricolor enfrenta a Ponte Preta, no estádio Moisés Lucarelli.

Para este confronto, a tendência é que o pressionado técnico André Jardine mande a campo um time completamente reserva. A ideia é poupar todos os titulares para o duelo decisivo com os argentinos, pela Pré-Libertadores, na próxima quarta-feira, no Morumbi.

Derrotado por 2 a 0 no jogo de ida, em Córdoba, o São Paulo tem situação bem mais tranquila no Estadual. Com nove pontos ganhos, o time lidera o Grupo D da competição, seguido por Ituano (7), Oeste (6) e Botafogo-SP (4).

O treinador, porém, tem problemas para montar a equipe reserva. Anderson Martins (tendinite no joelho direito), Liziero (entorse no tornozelo direito) e Brenner (lesão na coxa esquerda) não devem atuar. Já Luan e Igor Gomes, a serviço da Seleção Brasileira sub-20, são desfalques certos. Assim como Hudson, suspenso pelo acúmulo de três cartões amarelos.

No miolo de zaga, Lucas Kal e Rodrigo, ambos revelados pelas categorias de base do clube, devem jogar juntos. Bruno Alves, que foi titular na Argentina, pode ficar como opção no banco.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

No meio, Willian Farias e Araruna tendem a formar a dupla de volantes, enquanto a armação pode ficar sob responsabilidade de Jonatan Gómez. No ataque, Helinho, Antony, Biro Biro e Everton Felipe são opções para as pontas, com Gonzalo Carneiro ou Diego Souza como referência.

Assim, uma possível escalação tem: Jean; Igor Vinícius, Bruno Alves, Rodrigo e Léo; Willian Farias, Araruna e Jonatan Gómez (Diego Souza); Helinho (Antony), Diego Souza (Gonzalo Carneiro) e Everton Felipe (Biro Biro).

Para sobreviver na Libertadores, o São Paulo precisa vencer o Talleres no jogo de volta, na próxima quarta-feira, no Morumbi, por três gols de diferença. Caso devolva o 2 a 0, a vaga será definida nos pênaltis. Se sofrer um gol, terá de marcar quatro vezes para avançar na competição.




×
Quer receber notícias do São Paulo?