Criticado, Diniz vê São Paulo no caminho certo e aceita cobrança

São Paulo , SP
16/02/2020 07:00:55

Em: Campeonato Paulista, Escolha do editor, Futebol, São Paulo

Em seu terceiro jogo consecutivo sem vencer, o São Paulo ficou no empate sem gols contra o Corinthians na noite deste sábado, pelo Campeonato Paulista. Chamado de burro por alguns torcedores no Estádio do Morumbi, o técnico Fernando Diniz aceitou a cobrança e reiterou que seu time está no caminho certo.

“O torcedor do São Paulo não tem orgulho do resultado, tem orgulho do que vê em campo. Mas precisamos ganhar, porque o torcedor quer mais ganhar do que jogar bem. Jogando bem, aumentamos as chances de ganhar. Nesse sentido, estamos no caminho certo. Espero muito que a gente consiga ganhar, o torcedor merece”, afirmou.

Com o São Paulo em momento adverso, Diniz foi criticado por torcedores no momento em que trocou o atacante Pato pelo meio-campista Liziero. O treinador aceitou a postura dos fãs insatisfeitos no Morumbi, mas reafirmou a confiança em suas próprias convicções.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

“Está tudo certo me chamar de burro, mas preciso ter coragem de fazer o que estou enxergando. O time não piorou com a entrada do Liziero. O torcedor queria ganhar o jogo. Estou aqui para o momento que o torcedor precisar xingar, não tenho críticas ao torcedor”, afirmou Diniz, que propôs uma reflexão.

“Esse é o debate que a imprensa tem que fazer: parar de analisar o resultado. Um dia, o São Paulo pode jogar mal. Ainda não jogamos no campeonato. Se acontecer um deslize em outro jogo, todo mundo esquece o processo. O futebol aqui não vai mudar enquanto não conseguirmos distinguir trabalho de resultado”, declarou.




  • Renato Importa

    Trabalho do Diniz é a longo prazo. Por mais que os torcedores queriam a continuidade do Pato em campo, era notório que o SPFC estava perdendo o meio de campo. A 2a bola sempre ficava com o Corinthians, e isso estava incomodando. No meu ponto de vista a mudança foi correta, apenas preferia a entrada do Brener ao invés do Toró. O moleque tem estrela quando joga contra os gambas.

    • Chico Guru

      Será que o Diniz vai chegar a ter esse “longo prazo” no São Paulo? Duvido muito…

      • Renato Importa

        O SPFC já teve inúmeros técnicos nos últimos 3 anos e nao ganhou nada. Fica claro que o problema nao eh o técnico em si. A limpeza tem que começar pela Presidência, Diretoria, etc.
        Com essa diretoria nao tenho certeza se o Diniz vai durar muito tempo, mas o certo eh dar tempo para o trabalho amadurecer. Na época do Tele foi assim. Perdemos o Brasileiro de 90, para ganhar em 91. Depois libertadores e mundiais.

  • Meu fax, minha vida

    CHORAM AS ROSAS FREGAYSAS

  • Chico Guru

    “O torcedor do São Paulo não tem orgulho do resultado, tem orgulho do que vê em campo.”…kkkkkk…esse Diniz é um tremendo cara de pau

    • Anselmo Marcio

      Diniz não soube mexer no time ontem, era notório que o Fagner estava deitando e rolando pela direita, a mudança seria Éverton no lugar de Vitor Bueno e Igor Gomes no meio deslocando Daniel Alves para a direita ! As mexidas foram péssimas !

      • Chico Guru

        Esta certo o torcedor em chamar o Diniz de burr0. Quer animal mais teimoso que esse , que quando empaca ninguém tira do lugar? Eu acho que o Diniz não fica no São Paulo nem até o meio do ano, anota ai…

  • Ívaldo

    Tem uns fim de feira , que quando eles não jogam é quando eles não jogam o SPFC ganha tal de Daniel Alves , Pato , Hermanes , Juan Fran pode chamar Guardiola com auxiliar técnico Luxemburgo , que não dá jeito , tem que mandar esses ex-jogadores em atividade, vaza , monte ruim de bola , tão enganando faz tempo…

  • Edison Antonio Toledano

    A expressão do Diniz leva-nos a pensar que ele não tem consciência de que futebol não se faz com resultados. Então informo-o: Os times ganhadores são aqueles que obtêm resultados. Ademais, o futebol que o SPFC vem apresentando não tem nenhuma objetividade, baseando-se unicamente na enfadonha troca de passes, que não levam a vitórias.
    O SPFC, que não ganha clássicos, jogando em casa, perdeu um ótima oportunidade de vencer o curintha, totalmente destroçado e abalado pela desclassificação da libertadores. E muita mediocridade.

×
Quer receber notícias do São Paulo?