Conmebol cede, e São Paulo terá Morumbi nas oitavas da Copa do Brasil - Gazeta Esportiva
Copa América Copa América

A Conmebol e os gestores dos estádios sedes da Copa América entraram em um consenso e, com isso, o São Paulo poderá fazer uso do Morumbi no duelo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil, contra o Bahia, na próxima quarta-feira.

O estádio do Morumbi receberá três jogos da Copa América. Na casa do São Paulo acontecerá a partida de abertura do torneio, entre Brasil e Bolívia, no dia 14 de junho, além de Japão x Chile e Colômbia x Catar, todos pela fase de grupos do torneio.

São Paulo terá o Morumbi à sua disposição nas oitavas de final da Copa do Brasil (Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press)

Para que os clubes brasileiros pudessem seguir atuando nos estádios que receberão jogos da Copa América foi necessário um acordo entre os gestores dessas arenas e a Conmebol. Depois de muita conversa, a entidade sul-americana cedeu.

Desta forma, o São Paulo jogará apenas uma partida como mandante fora de seu estádio. Depois de enfrentar o Bahia pela Copa do Brasil, o time comandado por Cuca só será anfitrião mais uma vez antes da pausa para a Copa América, contra o Cruzeiro, no dia 2 de junho, pela 7ª rodada do Brasileirão. O duelo com a Raposa deve acontecer no Pacaembu.

O Comitê Organizador Local terá de 14 a 21 dias alternados de resguardo dos campos para plantio da grama de inverno, considerada ideal para o período em que a competição será realizada. No caso do Maracanã, o gramado, que foi trocado na última semana, não precisará de tantos dias de preservação, uma vez que já veio semeado com a grama de inverno de lavoura.




Rodrygo (Foto: Sergio Barzaghi/Gazeta Press)

Atual vice-líder do Brasileirão, com 10 pontos somados, o Santos vive grande fase na atual temporada. Com três vitórias e um empate, a equipe segue invicta na competição. Assim como o time, Rodrygo está em excelente momento e vive expectativa para fazer parte dos convocados para a Copa América.

Até o momento, o jovem atacante foi autor de um gol e duas assistências pelo Brasileiro, enquanto, pela Copa do Brasil, balançou as redes em três oportunidades.

“Eu creio que estou atuando bem, mas a torcida que tem que responder se eles estão gostando ou não. Claro que sempre quero melhorar, estar em um nível mais alto. Seleção eu acho que é um pouco cedo para falar, deixa o povo falar”, disse o jogador, em entrevista coletiva.

Atacante atuou pelo sub-20 da Seleção (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)

O jogador de apenas 18 anos atuou pelo Campeonato Sul-Americano sub-20 no início deste ano. Em oito partidas, ele marcou duas vezes e deu um passe para gol, porém não evitou a eliminação da Seleção na competição ainda na fase de grupos.

O técnico Tite irá convocar o Brasil para a disputa da Copa América no dia 17 de maio, sexta-feira. A Seleção está no Grupo A, ao lado de Bolívia, Venezuela e Peru. A competição será disputada entre os dias 14 de junho e 7 de julho, em solo brasileiro.




Copa América será disputada no Brasil (Foto: Mauro Pimentel/AFP)

Na tarde desta segunda-feira, o Ministério da Justiça e Segurança Pública anunciou que o Brasil irá impedir a entrada de torcedores estrangeiros violentos até o final da Copa América. O torneio entre seleções será disputado entre 14 de junho e 7 de julho, em solo brasileiro.

“Os servidores com atuação no controle fronteiriço e em atividades de fiscalização migratória nos portos, aeroportos internacionais e pontos de fiscalização terrestre de migração aplicarão a medida de impedimento de ingresso no território nacional a todo estrangeiro cujo nome conste nos sistemas de controle migratório como ‘membro de torcida envolvido em violência em estádios’, durante o período da Copa América Conmebol Brasil 2019”, informou o Ministério em decreto publicado no Diário Oficial da União.

Segundos responsáveis da Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) citados pela Agência Brasil, sistemas de reconhecimento facial para detectar eventuais torcedores problemáticos serão usados nos estádios brasileiros.

A abertura da Copa América será entre Brasil e Bolívia, no Estádio do Morumbi, em São Paulo, enquanto a final será no Maracanã, no Rio de Janeiro. Além das duas cidades, Belo Horizonte, Porto Alegre e Salvador serão outras sedes da competição.



A Associação Paraguaia de Futebol divulgou nesta segunda-feira a lista de 40 jogadores para a disputa da Copa América. Depois, 17 destes atletas serão cortados da relação inicial e apenas 23 estarão na competição continental. Os destaques da pré-convocação foram os cinco jogadores que atuam no futebol brasileiro: o zagueiro Gustavo Gómez, do Palmeiras, o volante Piris da Motta, do Flamengo, o atacante Derlis González, do Santos, o atacante Ángel Romero, do Corinthians e o goleiro Gatito Fernández, do Botafogo.

 

Gustavo Gómez é titular da defesa do Verdão, ao lado de Luan, apesar de Felipão promover um rodízio com Edu Dracena e Antônio Carlos. Piris da Motta é reserva do Flamengo, porém tem atuado com frequência, já que Abel Braga tem utilizado um time alternativo nas últimas rodadas do Campeonato Brasileiro.

Derlis González começou o ano sendo titular absoluto no Santos, marcando gols e sendo importante pra equipe, entretanto no momento está recebendo poucas oportunidades de Sampaoli. O goleiro Gatito Fernandez tem a confiança da comissão técnica do Botafogo e é o titular do time, colocando o experiente Diego Cavalieri no banco.

Romero não está mais sendo aproveitado no Corinthians (Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians)

O caso mais peculiar é o de Romero, que está afastado no Corinthians por não ter chegado a um acordo de renovação contratual com o Timão. Apesar de estar treinando com o resto do time, o atacante não permanecerá no alvinegro depois da disputa da Copa América.

Outros conhecidos do brasileiro são o zagueiro Fabián Balbuena o lateral-direito Iván Piris. O defensor atuou no Corinthians até o meio do ano passado e foi campeão brasileiro pelo time em 2017, enquanto Piris jogou pelo São Paulo em 2011.

O primeiro jogo do Paraguai na Copa América será contra o Catar, no Maracanã, no dia 16 de junho, às 16h.



Thiago Silva lesionou o menisco do joelho direito (Foto: Pedro Martins/MoWA Press)

A cinco semanas para o início da Copa América, que será sediada no Brasil, o zagueiro Thiago Silva foi submetido a uma artroscopia no joelho direito. O Paris Saint-Germain divulgou a realização do procedimento, porém não informou o tempo de baixa do defensor.

“Thiago Silva foi submetido a uma artroscopia no joelho com a equipe cirúrgica do hospital Pitié Salpêtrière. A intervenção foi bem sucedida. Ele já iniciou sua recuperação”, informou o PSG através de seu Twitter.

Thiago Silva sofreu a lesão no menisco durante a goleada por 5 a 1 sofrida para o Lille, no dia 14 de abril. O capitão do time parisiense, desde que chegou no PSG em 2012, acumula 12 afastamentos por problemas médicos.

O zagueiro de 34 anos tem sido convocado frequentemente por Tite nos amistosos disputados pela Seleção Brasileira. A lista final para a Copa América será divulgada pelo treinador da amarelinha no dia 17 de maio.



Zé Roberto acredita que Neymar deve ser convocado para a Seleção (Foto: Lionel Bonaventure/AFP)

A agressão de Neymar contra um torcedor, após a derrota do Paris Saint-Germain para o Rennes, na final da Copa da França, segue dando o que falar. Agora foi a vez de Zé Roberto comentar sobre a situação.

Na visão do ex-jogador, deixar Neymar de fora da convocação da Seleção Brasileira para a Copa América não seria uma boa ideia, mas o camisa 10 deveria retornar à equipe sem a faixa de capitão.

“Não convocá-lo para a Copa América eu acho que seria um erro, porque ele é o principal jogador da Seleção. Mas puni-lo tirando dele a braçadeira de capitão acho que seria a melhor opção”, disse, em declarações à EFE.

Além disso, Zé Roberto comentou também sobre a sequência da carreira de Neymar, e mostrou acreditar na recuperação do atacante após o acúmulo de lesões e polêmicas.

“Acho que é o momento para Neymar se reencontrar. Reencontrar seu plano de carreira e voltar a ser o que todos esperam”, completou.



Félix conquistou a Copa da Ásia no início do ano (Foto: Giuseppe Cacace/AFP)

Sede do próximo Mundial e prestes a disputar a Copa América no Brasil, o Catar, por meio de sua associação de futebol, anunciou, na tarde desta segunda-feira, a renovação de contrato com Félix Sánchez. O treinador assinou um vínculo até 2022, ano da próxima Copa.

No comando do Catar desde julho de 2017, quando substituiu o uruguaio Jorge Fossati, o espanhol venceu a Copa da Ásia deste ano, título inédito da seleção. Sem ter atuado como jogador profissional, Sánchez tem longa passagem como treinador nas categorias de base do Barcelona e comandou o sub-19, sub-20 e o sub-23 antes de assumir o profissional da seleção asiática.

O próximo torneio dos comandados de Félix é a Copa América, que será disputada em junho no Brasil. A equipe, convidada pela Conmebol, está no Grupo B ao lado de Argentina, Colômbia e Paraguai. Antes, porém, o Catar terá um amistoso contra o Brasil no dia 5 de junho, no Mané Garrincha, em Brasília.



Nesta sexta-feira, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) confirmou os amistosos da Seleção contra Catar e Hounduras, nos dias 5 e 9 de junho, em Brasília e Porto Alegre, respectivamente. Serão os dois últimos compromissos do Brasil antes da estreia na Copa América.

O compromisso diante do Catar já havia sido oficializado pela federação de futebol do país, mas não havia sido confirmado pela entidade máxima do futebol brasileiro. Diferentemente do previsto, que seria no estádio do Maracanã, o duelo será no Mané Garrincha, dia 5 de junho, ás 21h30 (horário de Brasília).

Diante de Honduras, a partida já estava prevista para o Beira-Rio, às 16h00 (horário de Brasília). Depois dos amistosos, o Brasil enfim, estreará na Copa América, contra a Bolívia, no estádio do Morumbi, às 21h30 (horário de Brasília), no dia 14 de junho.

Ainda na primeira fase da competição, os comandados do técnico Tite vão enfrentar a Venezuela, na Fonte Nova e o Peru, na Arena Corinthians.

 


×
Quer receber notícias do São Paulo?