Aguirre sobre ausência de Valdívia: “Tem coisas que são internas”

Tiago Salazar - São Paulo,SP

20-05-2018 19:51:35

Muita gente estranhou a ausência de Valdívia na lista de relacionados do São Paulo para o clássico desse domingo, contra o Santos, no Morumbi. Na entrevista coletiva após a vitória tricolor por 1 a 0, Diego Aguirre chamou atenção dos jornalistas ao dar uma resposta enigmática sobre o tema.

“Tem coisas que são internas. Teve uma situação pessoal, mas com ele está tudo bem, ele também estava precisando ver a família, mas a decisão de não convocar não foi por esse motivo”, comentou o técnico uruguaio.

Apesar do comandante são-paulino ter segurado a língua na coletiva, a reportagem apurou que Diego Aguirre quis dar uma espécie de chacoalhão em Valdívia. A análise é que o meia caiu de rendimento depois de um bom início no clube, foi muito mal principalmente nas duas últimas partidas, contra Bahia e Rosario Central, e precisa trabalhar mais para recuperar seu espaço. Para Aguirre, nesse momento, Everton, Marcos Guilherme e até Régis estão à frente para o setor de beirada de ataque.

“Não é que eu troco o time toda hora, porque tem jogadores que jogam todo jogo. Eu troco alguns jogadores. Tem que ganhar no treino, dou possibilidade no dia a dia, tem jogadores que ganham dentro de campo, não é que eu troco qualquer um sem motivo, tem de justificar”, explicou Aguirre.

Desde que se recuperou de um pequeno estiramento na coxa esquerda, sofrido no segundo jogo contra o São Caetano, pelas quartas de final do Campeonato Paulista, Valdívia não teve mais uma atuação digna de elogios. Na última semana, a família do jogador foi rendida e assaltada dentro de casa, no interior do Mato Grosso. Apesar de ter ido visitar seus parentes, Valdívia não perdeu nenhum treino no CT da Barra Funda.


“Eu tenho um elenco com quase 30 jogadores e muitas opções, tenho meninos que não tiveram tantas chances, caso de Shaylon, que entrou bem e hoje está mais perto do grupo, hoje voltou o Anderson (Martins) e fez um jogo espetacular, Arboleda também foi bem, ganhei mais um zagueiro, e são dúvidas boas. Temos opções que nos dão tranquilidade”, completou o comandante, aproveitando a própria resposta para reforçar o motivo pelo qual deixou Valdívia de fora do clássico.

“Valdívia não foi convocado por tudo isso que eu falei”.

Brenner na Seleção
Diego Aguirre também foi questionado nesse domingo sobre Brenner, que foi chamado por Tite para participar dos treinos da Seleção Brasileira na Granja Comary até o dia 25. O treinador uruguaio viu a situação com bons olhos, já que não pretende usar o jovem atacante tão cedo no São Paulo.

“Primeiro que para ele tem de ser uma experiência maravilhosa, né?! Muito bom para ele, e tomara que ele volte com esse entusiasmo, com essa experiência que vai ajudar, mas temos de lembrar que é um menino, tem muito caminho para percorrer. Não temos de ter pressa com ele. Tem de crescer, amadurecer e seguramente será um reforço para o futuro do São Paulo”, concluiu o técnico tricolor.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

 

Deixe seu comentário


×
Quer receber notícias do São Paulo?