Modesto confirma candidatura em 2017 e banca Dorival: "Meu técnico"

Do correspondente Vitor Anjos - Santos,SP

17-12-2016 07:00:11

Os torcedores do Santos já conhecem o primeiro candidato para as eleições presidenciais de 2017. Apesar de já ter afirmado algumas vezes que não pretendia uma reeleição, o atual presidente Modesto Roma confirmou que estará concorrendo no pleito que irá acontecer em dezembro do ano que vem. O mandatário disse ainda que irá fazer mudanças no atual programa de sócios do clube, mas afirmou que não existe campanha melhor do que conquistar títulos.

"Sou candidato e o vice será novamente o (César) Conforti. Mudei de ideia por conta da necessidade do clube. Conheço umas três ou quatro chapas, mas nada oficial. Por enquanto ninguém me garantiu nada. Acho que o primeiro nome que afirmou ser candidato fui eu. O programa de sócios vai ser novo a partir de maio. Mas programa de sócios não é carro-chefe. Isso é o futebol. Se a bola entrar, beleza. Mesmo com eleições, a gente tem que ter a tranquilidade de manter um ano com uma gestão séria e sem fazer loucura. A gente passa e o Santos continua. Não quero entregar para o meu sucessor o que eu recebi. Primeiro vamos colocar a casa em ordem", afirmou Modesto.


E se tem alguém que deve torcer bastante para a reeleição do presidente, essa pessoa chama-se Dorival Júnior. Com contrato assinado até dezembro de 2017 e recebendo um aumento a partir de janeiro, o técnico do Peixe recebeu a garantia de que irá permanecer como treinador caso Modesto siga no comando do clube.

"Eventualmente o Dorival tem aumento. Quando firmamos o contrato já constava isso. Mas para ampliar o vínculo dele primeiro eu preciso ganhar a eleição. Acho que o técnico depende do presidente e eu não sei se vou ganhar as eleições. Se eu não ganhar, quero deixar pra quem me suceder o direito de escolher um treinador. Quando eu entrei em 2015, trabalhei com o técnico da gestão anterior (Enderson Moreira) que não me agradava. Então a gente tem que ter calma com isso (renovação). É coisa para dezembro de 2017", afirmou.

"Se eu ganhasse hoje, o Dorival seria meu técnico. Quem vota em mim vota em Dorival", concluiu Modesto, em tom de brincadeira.

Deixe seu comentário


×
Quer receber notícias do Santos?