Sob muita chuva, Roma empata com Bologna e perde chance de liderar

São Paulo, SP

21-11-2015 17:04:15

A Roma perdeu a chance de chegar à liderança provisória do Campeonato Italiano neste sábado. No Estádio Renato Dall’Ara, em Bolonha, o time da capital ficou no 2 a 2 contra o Bologna em partida que ficou marcada pela forte chuva que encharcou o gramado.

O duelo também foi vítima de outra chuva: de pênaltis. Dos quatro gols do jogo, três nasceram de penalidades máximas. O único gol que não veio da marca da cal foi o primeiro da partida, do lateral Masina para o Bologna. Depois, a Roma virou com Pjanic e Dzeko, e os mandantes empataram com Destro, a três minutos do fim.

Com o resultado, a Roma vai aos 26 pontos e ultrapassa a Inter de Milão, que ainda entra em campo neste domingo, no critério de saldo de gols, chegando à vice-liderança. Já o Bologna segue beirando a zona de rebaixamento, em 17º, com 11 pontos.

Os romanistas voltam a campo no próximo domingo, contra a Atalanta, no Estádio Olímpico. Já os bolonheses, no mesmo dia, visitam o Torino, em Turim.

O jogo – A Roma mostrou muita dificuldade para se adaptar ao gramado do Renato Dall’Ara, encharcado devido às fortes chuvas em Bolonha. O time da casa, por outro lado, aproveitava o adversário rendido em campo para pressionar.

Aos dez minutos de jogo, após uma bela triangulação, Mounier recebeu livre dentro da área e mandou para as redes, mas a arbitragem invalidou o lance. Três minutos depois, o time da casa voltou a marcar, e desta vez com êxito: uma verdadeira confusão na área após cobrança de escanteio colocou a bola nos pés do lateral Masina, que mandou de esquerda para bater o goleiro Szczesny e abrir o marcador.

A Roma continuava perdida em campo, e o Bologna quase chegou ao segundo gol dois minutos depois. Destro fez uma grande jogada individual na direita e cruzou para o meio. Depois de um bate-rebate, a bola acabou sobrando para Diawara, que mandou para fora.

Os giallorossi só assustaram o gol dos mandantes aos 38 minutos, quando Florenzi bateu no contrapé do goleiro Mirante, que conseguiu evitar o gol mesmo assim. Dois minutos depois, o arqueiro do Bologna voltou a trabalhar em uma cobrança de falta precisa de Pjanic.

A Roma voltou melhor para o segundo tempo, e logo aos seis minutos chegou ao empate. Florenzi cruzou na área e a bola pegou no braço de Mounier. A arbitragem marcou pênalti, e Pjanic converteu a cobrança.

Em tarde inspirada, Florenzi voltou a criar uma boa chance para a Roma aos 20 minutos, cruzando na medida para Dzeko cabecear e exigir boa defesa de Mirante. No rebote, Pjanic pegou mal e mandou para fora.

A pressão romanista continuava, e a equipe teve mais uma penalidade para cobrar aos 26, quando Iturbe foi derrubado por Rossettini. Dzeko cobreou com precisão no canto direito de Mirante e virou o placar.

Tudo se encaminhava para uma vitória da Roma até que, aos 43 minutos, Giaccherini foi derrubado por Torosidis na área e a arbitragem marcou mais um pênalti, desta vez para o Bologna. Ex-Roma, Destro bateu, converteu e comemorou acintosamente, fechando a partida.

Deixe seu comentário