Ancelotti confirma que se aposentará quando deixar Real Madrid e exalta Vini Jr.

AFP - São Paulo,SP

13/08/22 | 20:19

Carlo Ancelotti, que já havia falado em sua aposentadoria como treinador, foi mais específico neste sábado. Em entrevista ao jornal italiano Il Messaggero, ele disse que dará esse passo quando deixar o Real Madrid e exaltou o jovem brasileiro Vinícius Júnior.

“Esta etapa no Real Madrid vai colocar um fim em minha carreira. Depois da equipe merengue, me aposento”, disse Ancelotti.

“O Real é o melhor do futebol. Faz sentido colocar o ponto final depois dessa experiência”, acrescentou o técnico italiano, que voltou ao comando do clube madrilenho em meados de 2021 para substituir Zinedine Zidane, após uma primeira etapa no Santiago Bernabéu entre 2013 e 2015.

Por outro lado, Ancelotti, de 63 anos, participou neste sábado de uma coletiva de imprensa em que avaliou que o seu meia uruguaio Fede Valverde “é agora uma peça muito importante”, um dia antes do início da estreia da equipe branca em LaLiga contra o Almería.

“Ele teve uma lesão contra o Barcelona no ano passado, então foi difícil para se juntar ao time. Foi muito bem na segunda parte da temporada. Titular é difícil dizer, porque não posso dizer isso sobre ninguém, mas ele progrediu muito, agora é uma peça muito importante”, disse o comandante sobre o uruguaio.

“Ele pode se adaptar a jogar na ponta, isso nos ajuda muito em diferentes jogos. Sua presença, sua habilidade nos ajudou muitas vezes”, acrescentou Ancelotti sobre o atleta, titular na Supercopa da Europa conquistada diante do Eintracht Frankfurt, mas que nesta temporada encontrará grande concorrência de jogadores como Rodrygo, Eduardo Camavinga e Aurélien Tchouameni.

Ancelotti considerou ainda que Valverde, assim como outros jogadores da equipe merengue, atual campeã europeia, deve figurar na lista dos 30 candidatos à Bola de Ouro, começando pelo alemão Toni Kroos.

“Estou um pouco surpreso, porque Kroos fez uma temporada fantástica, mas nomear todos os jogadores do Real Madrid pode ser um problema, eu entendo... Mas Valverde, Militão, Alaba... todos merecem. Todos fizeram uma temporada fantástica, não digo para ganhar [o prêmio], mas mereciam estar na lista”, explicou o treinador.


Outros jogadores sul-americanos do Real Madrid, os brasileiros Vinicius Júnior e Casemiro, aparecem nesta lista da Bola de Ouro.

“Vini está muito feliz, fez uma temporada fantástica, marcou o gol da 14ª [Champions], não se importa em ser quarto, segundo... No futuro, ele vai concorrer a mais. Para os jogadores, a coisa mais importante é vencer. E infelizmente para Vini, nós já temos [o vencedor] deste ano”, disse Ancelotti se referindo ao grande favorito, o francês Karim Benzema.

O Real Madrid iniciará a defesa do título da liga visitando o recém-promovido Almería no domingo, às 17 horas (de Brasília). “O ambiente é bom, temos toda a esperança do mundo para começar esta temporada, cada jogo será muito difícil, começando amanhã”, concluiu Ancelotti.

Deixe seu comentário