Gazeta Esportiva

Roger Machado é o novo técnico do Palmeiras para 2018

Bruno Calió - São Paulo,SP

22/11/17 | 19:14 - 22/11/17 | 23:16

Roger acertou contrato de um ano com o Palmeiras (Foto: Bruno Cantini/ CAM)

Roger Machado será o treinador do Palmeiras em 2018. Nesta quarta-feira, o ex-treinador de Grêmio e Atlético-MG acertou contrato de um ano com o Verdão e irá substituir o interino Alberto Valentim na próxima temporada. A informação foi confirmada pelo clube por meio de uma nota em seu site oficial.

Roger já foi favorito a assumir o Palmeiras em outras duas oportunidades. No início deste ano, quando Cuca deixou o Verdão após a conquista do Campeonato Brasileiro, o treinador foi procurado, mas já havia chego a um acordo com o Atlético-MG. Assim, o Palestra optou pela contratação de Eduardo Baptista.

Ainda em 2017, após seu retorno ao Palmeiras, Cuca chegou a balançar no cargo com as eliminações na Copa Libertadores da América e Copa do Brasil. Na ocasião, Roger foi novamente procurado pelo Verdão, mas seu staff informou que o treinador assumiria uma equipe apenas no início da próxima temporada.

BLOG DO FLÁVIO PRADO: "PALMEIRAS DEU BOLA DENTRO"

Mesmo assim, a princípio, Abel Braga era o nome considerado ideal pela cúpula alviverde para assumir o clube. No entanto, a pedido da família, o treinador optou pelo acerto com o Internacional, que também procurava um treinador para a próxima temporada após a demissão de Guto Ferreira e o retorno à Série A do Campeonato Brasileiro.

Vale lembrar que há 12 anos Abel não comanda uma equipe que não seja Fluminense, Internacional ou Al-Jazira (EAU). Em 2005, treinou o Tricolor carioca. No ano seguinte, assumiu o Colorado, onde ficou até 2008. Depois, passou três temporadas no time dos Emirados Árabes. Em 2011, assumiu novamente o Flu e repetiu todo o processo, na mesma ordem, alterando apenas o tempo em cada agremiação.


O Verdão está sob o comando de Valentim desde a saída de Cuca, em outubro. Nesse período, a diretoria tentou a contratação de Mano Menezes, mas o técnico preferiu renovar com o Cruzeiro.

Desde então, líderes do elenco passaram a fazer campanha pela efetivação de Alberto Valentim no comando do Palmeiras. O capitão Dudu, inclusive, informou o diretor Alexandre Mattos da vontade dos atletas.

Com três vitórias nas primeiras três rodadas de sua quinta passagem como interino do Alviverde, a efetivação de Valentim, antes improvável, passou a ser possível. O time cresceu de produção e chegou a depender apenas de si para ser campeão brasileiro. No entanto, o empate em casa contra o Cruzeiro, e a derrota para o rival Corinthians no Derby em Itaquera minaram as chances do interino.

Em seguida aos tropeços, Valentim ainda foi derrotado pelo Vitória, venceu Flamengo e Sport, e perdeu para o Avaí na última segunda-feira. No total, são cinco vitórias, um empate e três revezes.

Na luta pelo vice-campeonato do Brasileirão com o Grêmio, o Palmeiras tem ainda mais dois jogos nesta temporada: Botafogo (segunda-feira, em casa) e Atlético-PR (dia 3, em Curitiba). Valentim vai comandar o time nessas duas partidas.

Deixe seu comentário