Gazeta Esportiva

Palmeiras bate o América de Cali e avança à final da Libertadores feminina contra o Boca Juniors

São Paulo, SP

26/10/22 | 20:56 - 26/10/22 | 21:03

O futebol brasileiro está mais uma vez na final da Copa Libertadores feminina, que está sendo disputada no Equador. Nesta quarta-feira, o Palmeiras derrotou o América de Cali por 1 a 0, no estádio Casa Blanca, em Quito, e avançou à decisão contra o Boca Juniors, da Argentina, que na terça passou pelo outro time da Colômbia, o Deportivo Cali. O gol do time alviverde foi marcado pela volante Ary Borges, aos nove minutos do segundo tempo.


A grande final será realizada já nesta sexta-feira, às 19 horas (de Brasília), também no estádio Casa Blanca, na capital equatoriana. Na terça, o Boca Juniors, que havia eliminado o atual campeão Corinthians nas quartas de final, se classificou à decisão ao ganhar do Deportivo Cali na disputa de pênaltis por 3 a 0, após um empate sem gols no tempo normal.

Em campo, o jogo foi muito nervoso e equilibrado. Cada equipe teve poucas chances de gol por conta da forte marcação no meio de campo, mas o Palmeiras conseguiu ser mais efetivo. No início do segundo tempo, aos nove minutos, a atacante Byanca Brasil fez um cruzamento perfeito do lado esquerdo e Ary Borges apareceu na área para desviar de cabeça e abrir o placar.

Pela primeira vez participando da competição continental, o Palmeiras é o dono da melhor defesa da edição e detém o segundo melhor ataque, atrás do Deportivo Cali (16 gols): são cinco vitórias, 15 tentos marcados e apenas dois sofridos. Isso mesmo com uma troca de goleiras por conta de uma lesão da titular Amanda ainda na fase de grupos. Jully entrou no seu lugar e deu conta do recado.

Na fase de grupos, o time feminino do Verdão terminou na primeira colocação do Grupo C e com o segundo melhor desempenho da competição. Derrotou o Libertad Limpeño, do Paraguai, por 3 a 0, goleou o Independiente Dragonas, do Equador, por 7 a 0, e venceu o Universidad de Chile por 2 a 1. Nas quartas de final, passou no sufoco, com um gol no último minuto, por outra equipe chilena, o Santiago Morning, também por 2 a 1.

Deixe seu comentário