Futebol/Bastidores

Gómez revela conversa com Mattos por compra e diz: “Palmeiras é meu lugar no mundo”

Lorenzo Meyer* - São Paulo , SP
07/05/2019 14:56:32 — 07/05/2019 17:03:06

Em: Bastidores, Escolha do editor, Notícias, Palmeiras
Gómez deve seguir no Palmeiras (Foto: Fernando Dantas / Gazeta Press)

Contratado em julho do último ano pelo Palmeiras por empréstimo junto ao Milan, Gustavo Gómez não demorou a se adaptar ao futebol brasileiro e logo se tornou um dos pilares defensivos do time de Luiz Felipe Scolari. Prestes a completar um ano de clube, quando vence seu vínculo provisório, o zagueiro paraguaio revelou que o diretor de futebol, Alexandre Mattos, já entrou em contato com o time italiano para informar que vai exercer a opção de compra.

“Eu falei com o diretor esportivo, o Alexandre (Mattos), dois meses atrás. Ele disse que comunicou ao Milan que vai me comprar, que vai fazer uso da opção de compra. Fiquei muito tranquilo, acho que Palmeiras é um clube que dá tudo ao jogador e obriga o jogador a dar tudo. Estou muito feliz”, declarou em entrevista coletiva nesta terça-feira.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

A decisão em deixar o Milan veio em decorrência das poucas oportunidades que havia recebendo na equipe. Em 2017, o empresário chinês Li Yonghong comprou o clube italiano e investiu pesado, trazendo vários reforços de nome. Insatisfeito na Itália, Gómez viu o Palmeiras entrar em contato e chegou até a conversar com o compatriota Lucas Barrios, que defendeu o Verdão, para saber mais do time.

“O primeiro ano foi muito bom, joguei muitos jogos no Milan, foi uma experiência única. Depois, o Milan trocou de dono, de proprietário, contrataram muitos jogadores de nível mundial, como Bonucci e Musacchio. Então decidi falar com meu representante para buscar outro time, mas no primeiro momento não consegui sair”, disse.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

“Conversei com Alexandre Mattos e com Lucas Barrios para vir ao Palmeiras, porque eu queria encontrar uma equipe competitiva. Eu tinha proposta para jogar em vários times da Europa, de pequeno e médio porte, mas eu queria ir para um time importante da América do Sul ou de outro continente para brigar por títulos. Deu tudo certo com o Palmeiras, cheguei ano passado e já ganhei um título. Agora, na verdade, acredito que é meu lugar no mundo”, completou.

Diante de tantas propostas, inclusive de clubes italianos, Gómez explicou a decisão em jogar pelo Palmeiras e exaltou o esforço feito por Alexandre Mattos. “Eu preferi o Palmeiras, tinha propostas para ir a outros times, existiam duas propostas da Itália. Mas eu queria jogar em um time competitivo, que sempre brigasse por campeonatos. Com todo respeito, eu não queria ir para um clube que brigasse pelo rebaixamento. Apareceu o Palmeiras e, por sorte, hoje estou muito bem, muito contente com Alexandre Mattos, que fez um esforço muito bom”, disse.

*Especial para a Gazeta Esportiva




×
Quer receber notícias do Palmeiras?