Flaco López se torna o 22º jogador argentino a marcar um gol pelo Palmeiras

São Paulo, SP

01/08/22 | 08:00 - 31/07/22 | 20:25

Em sua terceira partida pelo Palmeiras, a segunda como titular, o atacante José Manuel Flaco López mostrou faro de artilheiro e já marcou seu primeiro gol com a camisa do Verdão. Após uma bela assistência de Gustavo Scarpa, o argentino recebeu de frente para o goleiro João Ricardo e anotou o segundo da vitória por 2 a 1 sobre o Ceará, no sábado, em Fortaleza, pelo Campeonato Brasileiro.

Com isso, López passou a ser o 22º nome de um grupo de argentinos que fizeram gol pelo Palmeiras, tendo sido autor do primeiro tento argentino para o Verdão desde o início de 2017. Isso porque o último da Argentina a ter jogado no clube antes de López havia sido o zagueiro Nico Freire, no Brasileirão de 2018, mas pouco ficou.


Já o atacante argentino mais recente no Palmeiras (porém, naturalizado paraguaio), por sua vez, foi Lucas Barrios, que entre 2015 e 2016 conquistou a Copa do Brasil e o Campeonato Brasileiro. E ele foi justamente o jogador da nacionalidade a ter marcado pela última vez com a camisa do clube: o fato ocorreu no dia 19 de fevereiro de 2017, pelo Campeonato Paulista, contra o Linense na vitória por 4 a 0, na Arena da Fonte Luminosa, em Araraquara (SP).

No total são 46 argentinos que defenderam as cores palmeirenses ao longo da história, sendo o país vizinho o que mais representantes estrangeiros forneceu ao Verdão – aliás, nenhum outro clube de São Paulo registra tantos atletas do país vizinho quanto o alviverde. Este número contabiliza Barrios.

Antes de Barrios, a partir de 2014, o Palmeiras contou ainda com outros argentinos: o zagueiro Tobio, o meia Allione e os atacantes Mouche e Cristaldo. Aliás, neste século XXI (2001 em diante), somente um atleta argentino não fez gol atuando pelo Palmeiras: Nico Freire. Gioino, Hernán Barcos, Tobio, Mouche, Allione, Cristaldo, Barrios e López são os que marcaram ao menos uma vez com a camisa do Verdão.

Deixe seu comentário