Felipão espera visita de Murtosa e não descarta retomar parceria

Bruno Ceccon - São Paulo,SP

05-08-2018 10:00:23


O técnico Luiz Felipe Scolari, de volta ao Palmeiras, por enquanto não tem a companhia de Flávio Teixeira, mais conhecido como Murtosa. Afastado para resolver problemas particulares, o auxiliar pode ser incorporado à comissão técnica do clube até o começo de 2019.

“Ele mesmo disse: 'Olha, não posso te acompanhar. Não quero agora. Deixa eu resolver a minha vida. A partir de dezembro ou janeiro, se tiver resolvido, eu te aviso’. Ótimo, é assim que nós trabalhamos”, explicou Felipão sobre o fiel escudeiro no dia em que concedeu a primeira entrevista desde a volta ao clube.

Luiz Felipe Scolari e Flávio Murtosa iniciaram a parceria pelo Brasil de Pelotas em 1983. Desde então, o auxiliar acompanhou o treinador em alguns de seus principais trabalhos, com passagens por países como Arábia Saudita, Kuwait, Portugal, Inglaterra, Uzbequistão e China.

Na Academia de Futebol, Felipão espera receber uma vista do amigo. “O Baixinho, provavelmente, um dia vai aparecer aqui para incomodar a gente, mas, neste momento, não tem condição de trabalhar conosco. Nós entendemos”, esclareceu o treinador.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

Flávio Murtosa trabalhou no Palmeiras durante as duas passagens de Luiz Felipe Scolari (1997-2000 e 2010-2012). Ele chegou a comandar o time alviverde rumo ao título da Copa dos Campeões de 2000 e ainda realizou um breve trabalho na temporada de 2002.

Sem o fiel escudeiro, Felipão inicia sua terceira passagem como técnico do Palmeiras às 16 horas (de Brasília) deste domingo. Às 16 horas (de Brasília), no Estádio Independência, o time alviverde encara o América-MG, pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Deixe seu comentário


×
Quer receber notícias do Palmeiras?