Negociação do Palmeiras com Baptista faz Valentim pedir demissão

Bruno Ceccon - São Paulo,SP

01-12-2016 22:31:17

O Palmeiras já encaminhou a contratação do técnico Eduardo Baptista como sucessor de Cuca para a temporada de 2017. A negociação do clube alviverde com o atual treinador da Ponte Preta fez o auxiliar Alberto Valentim pedir demissão na noite desta quinta-feira.

Valentim foi contratado pelo Palmeiras em 2014, participando das conquistas da Copa do Brasil 2015 e do Campeonato Brasileiro 2016. Integrante fixo da comissão técnica, ele assumiu o time interinamente em algumas ocasiões, a última na derrota por 3 a 1 contra o Botafogo, já que Cuca estava suspenso.

Aos 41 anos de idade, Alberto Valentim tem o objetivo de iniciar a carreira de treinador. O ex-lateral direito chegou a ser cogitado para suceder Cuca em 2017, mas o clube preferiu encaminhar a contratação de Eduardo Baptista, o que fez o auxiliar pedir seu desligamento.

O acerto entre Palmeiras e Eduardo Baptista pode ser anunciado na manhã desta sexta-feira. Às 10 horas (de Brasília), no Estádio Moisés Lucarelli, o técnico concederá entrevista coletiva acompanhado por Vanderlei Pereira, presidente da Ponte Preta, possivelmente para confirmar sua saída.

Filho de Nelsinho Baptista, que treinou o Palmeiras nos anos 1990, Eduardo despontou no comando do Sport ao conquistar o Campeonato Pernambucano 2014 e a Copa do Nordeste 2014. Após uma passagem decepcionante pelo Fluminense, ele acertou com a Ponte Preta, atual 10ª colocada do Brasileiro com 50 pontos ganhos.

O técnico de 46 anos chegou a ser procurado pelo Corinthians recentemente, mas preferiu permanecer na Ponte Preta. Ele tem contrato com o time de Campinas até 2017 e a princípio encerra sua campanha no Brasileiro às 17 horas (de Brasília) do dia 11 de dezembro, no Moisés Lucarelli, contra o Coritiba.

Deixe seu comentário


×
Quer receber notícias do Palmeiras?