Futebol/Liga Europa

Coutinho marca, Liverpool consegue virada impressionante e elimina Dortmund

São Paulo , SP
14/04/2016 18:02:44 — 14/04/2016 18:16:35

Em: Borussia Dortmund, Futebol, Futebol Internacional, Liga Europa, Liverpool
Liverpool's Brazilian midfielder Philippe Coutinho celebrates after scoring during the UEFA Europa league quarter-final second leg football match between Liverpool and Borussia Dortmund at Anfield stadium in Liverpool on April 14, 2016. / AFP PHOTO / OLI SCARFF
Coutinho começou a reação do Liverpool quando o jogo estava 3 a 1 para o Dortmund (Foto: AFP/OLI SCARFF)

Nesta quinta-feira, Borussia Dortmund e Liverpool se enfrentaram em Anfield pela segunda partida das quartas de final da Liga Europa e, após um empate por 1 a 1 na Alemanha, as duas equipes fizeram um jogo eletrizante, em que os Reds conquistaram a vitória por 4 a 3 aos 45 do segundo tempo, depois de estarem perdendo por 3 a 1. Origi, Coutinho, Sakho e Lovren marcaram para os donos da casa. Mkhitaryan, Aubameyang e Reus deixaram os alemães na frente no início da partida.

Apesar de o duelo valar vaga na semifinal da Liga Europa, fora de campo, o clima era de amizade entre as torcidas, justamente por duas paixões em comum: a música “You’ll Never Walk Alone”, entoada pelas duas torcidas, e o treinador Jurgen Klopp.

As duas partidas marcaram o primeiro embate entre o técnico Jurgen Klopp e o Borussia, seu antigo clube. Klopp dirigiu o clube alemão por sete temporadas, conquistando duas vezes o Campeonato Alemão, duas Super Copa da Alemanha e um vice-campeonato da Liga dos Campeões. Pelos Reds, o treinador segue em busca de seu primeiro título.

O JOGO

Borussia Dortmund fans cheer during the UEFA Europa league quarter-final second leg football match between Liverpool and Borussia Dortmund at Anfield stadium in Liverpool on April 14, 2016. / AFP PHOTO / OLI SCARFF
Jurgen Klopp foi muito festejado pelas duas torcidas (Foto: AFP/OLI SCARFF)

O Borussia não perdeu tempo e abriu o placar logo aos quatro minutos. Coutinho errou passe no meio e o Dortmund saiu no contra-ataque com Aubameyang. O gabonês chutou para ótima defesa de Mignolet, mas, no rebote, Mkhitaryan estufou a rede.

Aos oito, os aurinegros já faziam 2 a 0. Firmino perdeu a bola e deu contra-ataque para o Dortmund. Reus deu ótima assistência para Aubameyang, que bateu forte, sem chances para Mignolet.

Após o susto inicial, o Liverpool começou a pressionar aos 20 minutos. Com Origi, Firmino e Coutinho, os Reds conseguiram três finalizações em apenas cinco minutos, mas os chutes apenas assustaram Weidenfeller, que viu as bolas irem para fora.

No segundo tempo, foi a vez do Liverpool fazer um gol logo no início. Os Reds avançaram com facilidade pelo meio e Origi recebeu ótima enfiada de bola. O belga não teve muito trabalho para dar um toquinho com o bico da chuteira e diminuir a desvantagem dos donos da casa.

A torcida do Liverpool não teve nem tempo de comemorar já que Marco Reus mais um para o Borussia apenas oito minutos depois. Hummels deu uma assistência maravilhosa para o atacante alemão, que bateu de chapa, com muita categoria, na saída de Mignolet.

O jogo estava eletrizante e Coutinho deu nova esperança ao Liverpool aos 20 minutos. O brasileiro tabelou com Milner e bateu forte, de fora da área, no canto esquerdo de Weidenfeller, que não conseguiu alcançar.

Aos 32, o zagueiro Sakho fez o estádio de Anfield tremer. Após cobrança de escanteio, a bola foi desviada na primeira trave e o francês mandou de cabeça para as redes, deixando o Liverpool a um gol da semifinal da Liga Europa.

Aos 45, o que parecia impossível aconteceu. Lovren aproveitou cruzamento da direita de Milner, subiu mais alto do que a zaga, meteu a cabeça na bola e virou o jogo. Uma reação impressionante dos donos da casa!