Dono do Leicester desvia do mercado e garante não vender atletas

São Paulo, SP

03-05-2016 13:05:38

Em visita ao elenco do Leicester City nesta terça, na reapresentação dos jogadores após a festa pelo título inglês, garantido na última segunda-feira, a família Srivaddhanaprabha, dona das principais ações do clube, garantiu que nenhum dos destaques desta temporada deixará a equipe mesmo com a cobiça do mercado internacional.

O filho do mandatário, Aiyawatt Srivaddhanaprabha, reiterou que o grupo quer permanecer unido, após o primeiro título em 128 anos de história, na expectativa de disputar a Liga dos Campeões da próxima temporada como um dos oito cabeças de chave.

"Todos os jogadores querem ficar, e agora vamos ver o quão longe essa equipe pode chegar. Todos estão felizes. O Leicester não é um time que irá vender jogadores. Como eu disse em nosso primeiro dia aqui, nós queremos construir uma base forte. Os jogadores e o time têm que crescer junto. Aqui fazemos tudo com antecedência e já estamos procurando [novos atletas]", afirmou em entrevista ao Channel 3.

Jogadores de destaque, como o artilheiro do time Jamie Vardy e o atacante Riyad Mahrez, eleito como um dos principais expoentes do Campeonato Inglês, já são cobiçados no mercado não só nacional como também estrangeiro. No entanto, a diretoria segue tranquila com relação às movimentações de mercado.

Campeão com antecedência de duas rodadas, e vantagem de sete pontos na liderança, o Leicester reuniu o elenco na casa do atacante Vardy, na última segunda-feira, para acompanhar a partida entre Chelsea e Tottenham, que terminou empatada em 2 a 2. A igualdade rendeu o título aos comandados de Claudio Ranieri.

A fortuna de investimentos que deu ao Leicester o título inglês brota de uma única fonte: a empresa King Power, que atua no ramo dos freeshops, espaço de comércio de mercadorias em aeroportos mundo afora. Desde 2010, a família tailandesa Srivaddhanaprabha conduz as principais ações do clube, que de azarão passou a campeão do torneio mais valorizado do continente europeu.

Deixe seu comentário