Pela semifinal da Copa da Itália, Juve vence fácil a Inter em show de Cuadrado

São Paulo, SP

27-01-2016 19:56:52

Nesta quarta-feira, a Juventus venceu a Inter de Milão por 3 a 0, em casa, pelo jogo de ida da Copa da Itália. Muito superior, a Velha Senhora não deu chances para a adversária e colocou o pé na final do torneio. O destaque do jogo foi Cuadrado, pois sofreu o pênalti, que Morata converteu, causou a expulsão de Murillo e infernizou a zaga da Inter. Além da penalidade, Morata ainda marcou mais uma vez, em falha de Felipe Melo, e Dybala fechou o placar.

A partida começou tensa e muito estudada. Com o passar dos minutos, a Juventus começou a assumir o comando. O time de Turim dominava a posse de bola e se voltava ao ataque enquanto a Inter se propunha a apenas defender. Logo aos 14 minutos, Medel desviou dentro da área com a mão uma cobrança de falta de Cuadrado, mas o árbitro não viu. Aos 20, o colombiano fez jogado pelo meio do campo, avançou e finalizou de fora da área com perigo.

Aos 33 minutos, Cuadrado, mais uma vez, conseguiu uma infiltração na área da Inter. Quando estava cara a cara com o goleiro Handanovic, o colombiano levou um tranco do zagueiro Jeison Murillo – o juiz marcou o pênalti. Morata foi para a batida e não perdoou. Após o gol, a Inter se lançou mais ao ataque, porém não conseguiu levar muito perigo. O primeiro tempo terminou com a vantagem mínima da Velha Senhora.

A segunda etapa começou morna. A Juventus valorizava a posse de bola, evitando correr riscos, e a Inter de Milão não conseguia ameaçar. Aos 17 minutos, após cruzamento de Evra, Morata furou, Felipe Melo falhou e deixou a bola no jeito para que Morata finalizasse no ângulo esquerdo de Handanovic.

Aos 25 minutos, Murillo fez falta em Cuadrado outra vez, recebeu o segundo amarelo e foi expulso. O ponta descia em alta velocidade e o zagueiro da Inter foi direto nas pernas do camisa 16 da Juve. Com um a menos, só restava à Inter se defender e torcer para conseguir levar um placar reversível para Milão.

Faltando sete minutos para o fim da partida, o gol para sacramentar a vitória da Velha Senhora. Asamoah deixou Dybala em ótima condição para chutar da entrada da área e o argentino não pensou duas vezes: bateu de primeira, vencendo o goleiro. Inerte, a Inter assistiu a Juve jogar os minutos finais e assim terminou a partida.

Com essa excelente vantagem da Juventus, a Inter terá de jogar muito em casa para conseguir reverter tamanha desvantagem. A partida volta ocorrerá no dia 2 de março. Na outra semifinal, o Milan venceu o Alessandria por 1 a 0, no jogo de ida.

Deixe seu comentário