Argel minimiza 'chapéu' por Henrique Almeida: "não era o preferido"

Do correspondente Luis Felipe dos Santos - Porto Alegre,RS

09-02-2016 20:17:09

O técnico do Internacional, Argel Fucks minimizou o “chapéu” que o Grêmio deu com a contratação de Henrique Almeida. O técnico do Inter, que jamais escondeu que pediu à direção um centroavante, disse que o atual atacante do Grêmio “não era o preferido”.

“Ele não era o nosso preferido. Se fosse, o Inter teria pego. Não é o nosso 'nove'. Ele é mais parecido com o Marquinhos, o Vitinho, até o Bolaños é parecido com ele”, afirmou à TV Bandeirantes. Argel voltou a pedir um jogador de referência para o ataque. “Trazendo um 'nove', teremos estrutura para trabalhar”, avaliou.

Um dos atacantes que está na mira do Internacional é Ramón Ábila, do Huracán. O jogador de 26 anos, que marcou 18 gols em 2015 e foi artilheiro da Copa Sul-Americana, foi oferecido ao Internacional, mas o valor de 5 milhões de dólares assusta. Ainda não há uma definição sobre o jogador do River Plate que poderá ser negociado com o Inter – o nome de Lucas Alario é um dos que interessa ao Inter.

Argel também se comparou a Roger Machado, atual técnico do Grêmio: "Só vim para o Internacional porque o Roger estava aqui. Se fosse o Luxemburgo, o Inter estaria atrás do Sampaoli", declarou.

Deixe seu comentário