Goiás

Castelão | 12/05/2018

Futebol/Série B

Ceni supera Ney Franco, Fortaleza domina o Goiás e vence por 3 a 0

São Paulo , SP
12/05/2018 20:52:21 — 12/05/2018 20:57:40

Em: Brasileiro Série B, Fortaleza, Futebol, Goiás

O Fortaleza segue a todo vapor na Série B do Campeonato Brasileiro. Neste sábado, o Leão dominou o Goiás, venceu por 3 a 0  e dorme na liderança da competição nacional. Depois de um primeiro tempo intenso, mas de placar inalterado, os comandados de Rogério Ceni voltaram para etapa final dispostos a conquistar os três pontos e, com gols de Ligger, Gustavo e Dodo, deixaram os milhares de torcedores presentes na Arena Castelão satisfeitos.

Com quatro vitórias em cinco jogos, além de um empate, o Fortaleza chegou aos 13 pontos e a liderança provisória da Série B. Para a primeira posição ser confirmada, basta um tropeço do Vila Nova diante da Ponte Preta. Os dois times entram em campo neste domingo, às 16h (de Brasília).

No banco de reservas estava um elemento a mais para a partida: o reencontro de Rogério Ceni com Ney Franco, campeões no São Paulo em 2012, mas desafetos declarados devido a um desentendimento gerado a partir de uma substituição que o treinador realizou e, o na época goleiro, contestou pedindo a entrada de outro jogador. Neste sábado, o discurso de arestas aparadas se confirmou com um abraço dos dois comandantes.

O primeiro tempo foi de total domínio do time da casa, enquanto o Esmeraldino apostava em seu sistema defensivo para conter o ímpeto ofensivo do time comandado por Ceni. Melhor para os visitantes, que tiveram no goleiro Marcelo Rangel e no lateral Alex Silva os dois responsáveis pela manutenção do empate parcial. A igualdade no placar não permaneceu por muito tempo. Na primeira jogada do segundo tempo, Ligger abriu o placar. Depois, Gustavo fez o segundo e Dodo deu números finais aos 44 minutos.

(Foto: Stephan Eilert/AGIF/Gazeta Press)

O JOGO

As propostas de jogo deixaram bem exemplificadas a situação dos dois times. Jogando em casa, o Fortaleza tomou a iniciativa da partida desde o apito inicial e, com a posse de bola, dominava o jogo, utilizando Osvaldo e Patrick, ambos pelo lado do campo, para criar as jogadas de maior perigo, muitas delas a partir de levantamentos para área buscando Gustavo.

A primeira ofensiva do Leão veio justamente com o artilheiro do time na temporada, aos 13 minutos. Aproveitando o lançamento da intermediária, Gustavo dominou, girou e bateu rasteiro, obrigando a defesa de Marcelo Rangel em dois tempos. Aos 17, foi Dodo que testou o goleiro do Goiás e com um chute de fora da área obrigou novamente uma boa intervenção.

Sem conseguir atacar o time da casa, o Goiás apostava em seu sistema defensivo estruturado para conter as principais ações defensivas do adversário. Aos 38 minutos, quem apareceu de forma providencial para evitar o gol do Fortaleza foi o lateral Alex Silva. Em boa jogada do time comandado por Rogério Ceni, Dodo fez o cruzamento para área e o defensor do Esmeraldino cortou antes da conclusão.

Os torcedores que deixaram seus assentos e demoraram para retornar mal viram o gol do Fortaleza. No primeiro minuto do segundo tempo, Edinho cobrou falta na área e Ligger contou com a falha da defesa do Goiás para nem precisar saltar e testar para o fundo da rede, abrindo o placar na Arena Castelão.

A vantagem no placar deixou Ceni ainda mais inquieto, principalmente quando percebeu que seus comandados optaram por deixar a bola com o adversário. Aos poucos, retomando o controle, o Leão conseguiu chegar ao segundo gol. Em cobrança de escanteio, Gustavo subiu mais que a defesa e cabeceou firme para as redes.

Com o revés se confirmando, o Goiás passou a buscar mais o ataque e Ney Franco promoveu mudanças para colocar o time mais a frente. Aos 28 minutos, o Esmeraldino conseguiu sua primeira finalização mais clara, com Carlos Eduardo, que obrigou a primeira defesa de Boeck. Em seguida, uma nova chance foi criada, mas afastada pela defesa do Fortaleza.

Aos 44 minutos, foi Dodo quem deu números finais ao jogo, marcando o terceiro gol do Leão. Depois de receber na entrada da área, o meia tocou com categoria para consagrar sua boa partida individualmente e um ótimo jogo coletivo.

FICHA TÉCNICA
FORTALEZA 3 X 0 GOIÁS

Local: Arena Castelão, Fortaleza (CE)
Data: Sábado, 12 de maio de 2018
Horário: 19h (de Brasília)
Árbitro: Felipe Gomes da Silva (PR)
Assistentes: Pedro Martinelli Christino (PR) e Luiz H Souza Santos Renesto

GOLS: 
FORTALEZA: Ligger (1 minuto do 2T), Gustavo (18 minutos 2T) e Dodo (44 minutos 2T)

CARTÕES AMARELOS:
GOIÁS: Eduardo Brock

FORTALEZA: Marcelo Boeck; Tinga, Diego Jussani, Ligger e Bruno Melo; Jean Patrick (Felipe), Derley (Igor Henrique), Edinho, Dodo e Osvaldo (Marlon); Gustavo
Técnico: Rogério Ceni

GOIÁS: Marcelo Rangel; Alex Silva, David Duarte, Eduardo Brock e Breno; Madison, Gilberto (Pedro Bambu), Giovanni; Tiago Luís (Rafinha), Carlos Eduardo, e Lucão (Michael)
Técnico: Ney Franco