Gazeta Esportiva

Federação Francesa enviará reclamação formal à Fifa por conta de gol anulado contra a Tunísia

São Paulo, SP

30/11/22 | 23:59

A Federação Francesa de Futebol prepara uma reclamação formal para ser enviada à Fifa por conta de um gol anulado no fim da partida frente à Tunísia, pela terceira rodada da fase de grupos da Copa do Mundo. O jogo, disputado nesta quarta-feira, terminou em vitória por 1 a 0 do time africano.

A reclamação se dá por conta de lance que ocorreu no último momento do duelo, quando a França já perdia por 1 a 0. Griezmann aproveitou sobra dentro da grande área e mandou para dentro. Em campo, a arbitragem não viu qualquer irregularidade no gol.

A bola foi posta no meio do gramado e, então, teve-se a impressão que o árbitro australiano Matt Conger autorizou o reinício da partida para, logo em seguida, soar o apito final. Porém, mesmo após tudo isso, o VAR recomentou que o juiz fosse à cabine do vídeo rever o lance e, então, anular o gol.


Griezmann realmente estava em posição irregular, porém, segundo as regras da Fifa, a partir do momento que o árbitro autoriza o reinício do jogo, o VAR não pode mais intervir no que aconteceu no lance anterior. Assim também vê a Federação Francesa, que contestará a decisão.

A entidade, porém, tem pressa, já que a reclamação só pode ser feita até 24 horas depois do apito final da partida.

O jogo não valia tanto assim para a França, que escalou um time completamente alternativo para ir a campo. Mesmo derrotada, a atual campeã do mundo avança às oitavas de final da competição na primeira posição do grupo D. A Tunísia, por sua vez, acabou eliminada, no terceiro posto.

Agora, a França do técnico Didier Deschamps se prepara para a disputa da primeira fase do mata-mata. Pela frente está a Polônia, que se classificou no grupo C. A bola rola às 12h (de Brasília) deste domingo, no Estádio Al Thumama.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

Deixe seu comentário