Pedro é o mais jovem artilheiro do Carioca pelo Flu

Gazeta Press - Rio de Janeiro , RJ
09/04/2018 13:18:35

Em: Bastidores, Campeonato Carioca, Fluminense, Futebol

O domingo foi do Botafogo no Rio de Janeiro, mas um jogador do Fluminense em especial teve motivos para comemorar. Trata-se do atacante Pedro, que com 20 anos se tornou o mais jovem jogador do Tricolor a ser artilheiro do Campeonato Carioca. O atleta anotou sete gols ao longo de todo o torneio, mas poderia ainda ter sido ultrapassado pelo botafoguense Brenner, que fez seis gols, e pelo vascaíno Andrés Ríos, que balançou as redes cinco vezes. Porém, os dois passaram em branco na decisão de domingo, o que definiu a artilharia em favor do atleta do Tricolor.

Após a partida Pedro comemorou em uma rede social o feito: “Glória a Deus pela artilharia”. O feito foi muito importante para o jogador, que desde o começo do ano vem lidando com a desconfiança dos torcedores e de parte da imprensa.

Pedro foi responsável por sete gols neste Cariocão (Foto: Lucas Merçon/Fluminense)

Quando Henrique Dourado foi negociado com o Flamengo, a diretoria partiu desesperadamente ao mercado em busca de um centroavante. Quase fechou com o uruguaio Rodrigo Aguirre, que preferiu se transferir para o Botafogo. Sem opções, o técnico Abel Braga foi dando a Pedro a titularidade e confiando no futebol do atleta, que começou a crescer principalmente no segundo turno do Estadual, a Taça Rio.

“A artilharia não é o feito de um jogador, pois todos no grupo trabalham pelos gols e quando eles acontecem é uma vitória de todo o time. Claro que ser artilheiro é algo importante, porém, lógico que trocaria pela conquista do título”, disse Pedro, antes mesmo da definição da situação envolvendo a artilharia.

Apesar da artilharia de Pedro, o Fluminense segue procurando reforços para o ataque e espera acertar nos próximos dias com o centroavante Kléber Gladiador, que está defendendo o Coritiba, com quem tem contrato até o fim do ano.

Com Pedro em campo, o Fluminense volta a campo nesta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), no Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ), para medir forças com o Nacional de Potosí da Bolívia pela estreia das duas equipes na Copa Sul-Americana. O time para este compromisso será definido no treino desta terça-feira.