Bruno Henrique exalta jovens e defende Lincoln

Gazeta Press - Rio de Janeiro,São Paulo

01-10-2020 00:35:16

O Flamengo mais uma vez contou com vários jogadores do seu elenco sub-20 para fazer uma boa partida. Com vários atletas afastados com covid, o Rubro-Negro goleou o Independiente del Valle por 4 a 0 nesta quarta-feira, no Maracanã, pela quinta rodada da fase de grupos da Libertadores.


O principal setor do campo afetado foi a defesa, que contou com cinco jogadores que vieram da base. Situação parecida já tinha acontecido no domingo, no empate contra o Palmeiras, em São Paulo.

“A gente tem que frisar que os meninos que subiram do Sub-20 deram conta do recado, jogaram pra caramba lá contra o Palmeiras e hoje novamente deram conta os quatro de trás ali. Excepcional. O Lincoln, um cara que não joga, fica no banco e não reclama, trabalha direitinho, jogou pra c... pra mim. Então aqueles companheiros nossos que estão no isolamento eu tenho certeza que estão muito orgulhosos de todo o grupo”, afirmou o atacante Bruno Henrique, em entrevista após a partida.

Autor dos dois gols que definiram o placar, BH comemorou com o gesto que ficou conhecido como "vapo". Esta é a comemoração característica do meia Gerson, e que o del Valle imitou na goleada em Quito. Para Bruno Henrique, a provocação faz parte do futebol.

“Futebol é isso aí, tem que levar na esportiva. Eles fizeram, comemoraram assim, e eu falei pro Gerson que eu ia fazer gol e ia comemorar com ele. Essa é a comemoração dele. Ficou marcado no ano de 2019 ele com essa comemoração, então fiz também para parabenizar”, disse o atacante.

Deixe seu comentário