Súmula relata reclamação, mas Flamengo não vai recorrer da expulsão de Gabigol

Gazeta Press - Rio de Janeiro,RJ

13-07-2020 16:40:48

A expulsão de Gabigol nos minutos finais da primeira partida da final do Campeonato Carioca causou revolta no Flamengo. No entanto, o clube não deverá recorrer da punição no TJD-RJ.

Gabigol recebeu o cartão vermelho quando seria substituído por Léo Pereira. O atacante chegou a se pronunciar nas redes sociais criticando a punição.

"Assim... Simplesmente assim tiram você de uma final! Desrespeito com seu trabalho, com sua equipe e com sua família que torce por você em cada jogo! Um pouco de respeito, e responsabilidade, por favor!", escreveu o atacante.

Na súmula entregue pelo árbitro Wagner do Nascimento Magalhães consta que Gabigol recebeu a punição por reclamação e não por retardar a partida, como a maioria interpretou no momento da partida. "Aos 45 + 2 do segundo tempo, expulsei o senhor Gabriel Barbosa Almeida por uma segunda advertência por reclamação. Quando perguntei ao quinto árbitro, senhor Carlos Henrique Cardoso de Souza, quem iria sair. Nesse momento, o mesmo (Gabriel) falou: "Sou eu que vou sair, porra". Em voz alta, o fato ocorreu no meio do campo", descreveu o documento.

Por conta da suspensão, Gabigol não vai participar da decisão do Estadual, nesta quarta-feira, contra o Fluminense, no Maracanã. Poupado na primeira partida, Bruno Henrique deverá ser seu substituto e formar o ataque com Arrascaeta e Pedro.

Com a vitória na primeira partida, o Flamengo tem a vantagem de atuar pelo empate no segundo jogo para confirmar o bicampeonato do Estadual. Um triunfo do Fluminense por um gol de diferença vai levar a decisão para os pênaltis.

Deixe seu comentário