Futebol

Endividado, Figueirense pede doações nas redes sociais

São Paulo , SP
12/11/2019 15:52:36

Em: Bastidores, Brasileiro Série B, Figueirense, Notícias
O presidente pediu o apoio da torcida (Foto: Reprodução)

Endividado e com o orçamento comprometido para o encerramento do ano, o Figueirense foi às redes sociais pedir ajuda. Em publicação no Twitter, o presidente do clube, Francisco de Assis Filho, detalhou os problemas financeiros e disse que espera contar com o apoio do torcedor para fechar a temporada sem novos atrasos salariais.

O Figueira disponibilizou até o número da conta bancária para a realização de doações.

“Graças a imensa torcida e da reação de associados, dirigentes, decidimos romper o contrato e retomar o clube. Sabemos que não será fácil, pois os desafios são muito grandes esportivamente e financeiramente. Por isso, após recebermos inúmeras manifestações de apoio e incentivo, resolvemos promover uma corrente de solidariedade para recuperarmos o Figueirense. E toda e qualquer colaboração será muito bem-vinda”, disse o presidente.

“Com transparência e prestação de contas, estamos pedindo ajuda a você torcedor, associados, ao simpatizante dessa instituição quase centenária que tanto orgulho já trouxe ao nosso estado e a nossa gente. A sua doação, qualquer que seja, será valorizada e muito bem aplicada. E ficará registrada nos anais do mais querido clube do futebol catarinense”, completou.

As dificuldades financeiras do Figueirense se arrastam há anos e chegaram a um ponto impraticável nesta Série B, quando o clube sofreu um WO após os jogadores decidirem não atuar contra o Cuiabá por conta dos atrasos salariais. Isso foi o estopim para a rescisão unilateral com a Elephant, empresa que gerenciava o futebol do clube.

Dentro de campo, o Figueira luta contra o rebaixamento. Com 35 pontos conquistados, a equipe de Pintado pode sair da zona de descenso nesta terça-feira, em duelo com a Ponte Preta, no Moisés Lucarelli.