Willian pede Cruzeiro com atenção dobrada diante do Coxa no Mineirão

Do correspondente Gustavo Aleixo - Belo Horizonte,MG

22-09-2015 21:44:53

Os empates em casa contra Atlético-MG e Vasco, quando o Cruzeiro desperdiçou as possibilidades da vitória nos minutos finais em ambas as partidas, ainda seguem em destaque na Toca da Raposa, mesmo após a vitória por 2 a 0 sobre a Chapecoense, no último domingo.

Para o atacante Willian, os pontos perdidos, antes muito lamentados, devem servir de lição para o duelo direto do próximo domingo, contra o Coritiba, às 18h30 (de Brasília), no Mineirão. Segundo o "Bigode", a equipe não pode vacilar novamente e, para isso, precisa de toda a atenção para que os detalhes não venham a comprometer o Cruzeiro dentro da partida.

“Temos que ter uma atenção dobrada. Sabemos que o momento é de muita tensão. A gente está bem focado, sabemos que um detalhe acaba nos ajudando e ao mesmo tempo nos atrapalhando, então a gente não tem que dar essa brecha para o adversário, como aconteceu em alguns jogos, quando a gente, na frente do placar, cedeu o empate. Esses pontos fazem uma diferença, principalmente dentro da nossa casa”, destacou o jogador, que tomou como exemplo a atuação da Raposa contra a Chapecoense, quando o time, com um a menos, segurou uma importante vitória fora de casa.

“No domingo, temos que ter a atenção que tivemos contra a Chapecoense. Conseguimos fazer os gols e atrás estivemos bem ajustados, bem organizados, com todo mundo se ajudando e se doando muito. Tenho certeza que esse espírito que temos que levar para domingo. Muita atenção, bem mobilizados, com todo mundo focado, e lá na frente concluindo e transformando oportunidades em gol”, acrescentou.

Perguntado sobre a boa fase do Coritiba, que vem de duas vitórias seguidas, Willian argumentou que o Cruzeiro também vem reagindo no Brasileirão, tendo em vista que o time celeste perdeu apenas uma partida nos últimos cinco jogos. Para o atacante, o confronto parelho entre as equipes, empatadas em pontos na tabela, pode pender para Raposa, desde que os jogadores azuis consigam impor um ritmo forte dentro do Mineirão.

“Da mesma forma que a gente sabe que vai ser difícil, já que eles vêm de uma crescente, eles vão encontrar um jogo duro da nossa parte. O Cruzeiro também vem mostrando uma reação, então, tenho certeza que vai ser um grande jogo. Temos o respeito pelo time do Coritiba, mas dentro de campo temos que nos impor, fazer a diferença como mandantes com o apoio do nosso torcedor. Temos que impor nosso ritmo, com muita intensidade, com marcação forte, e agredindo o time do Coritiba para conseguimos a vitória”, observou o atacante.

Deixe seu comentário