Após goleada para Flu, capitão Henrique pede “cabeça no lugar”

Do correspondente Marcellus Madureira - Belo Horizonte , MG
18/05/2019 20:14:37

Em: Bastidores, Brasileiro Série A, Campeonatos, Cruzeiro
Henrique pediu cabeça no lugar no Cruzeiro (Foto: Cruzeiro)

O Cruzeiro vive talvez um dos momentos de maior questionamento na temporada 2019. Tido nas rodas de bate papo esportivo como o grande favorito para tudo que disputar no ano, em campo a agremiação passou a mostrar um futebol que não dá resultados como antigamente. Na noite deste sábado, no Maracanã, a Raposa voltou a sofrer uma dura goleada, desta vez para o Fluminense, por 4 a 1, em duelo válido pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro.

O volante Henrique, capitão e uma das vozes mais importantes deste elenco azul celeste, pediu cautela aos companheiros e uma analise individual de cada um para mudar o momento vivido.

“Jogo muito abaixo, resolvemos pressionar até certo momento deu certo, mas sofremos gols que a equipe não costuma sofrer. Muito fáceis ao meu modo de ver. É hora de colocar a cabeça no lugar, analisar o momento, e reagir. Temos que nos cobrar mais, corrigir os problemas, parar de ficar pontuando o que necessita e ter ação, atitude, vamos dar o retorno dentro de campo já nas próximas rodadas, vamos conversar entre nós, corrigir o que falta para trilhar os caminhos da vitória”, destacou.

O Cruzeiro volta a campo no próximo domingo, às 19h (de Brasília), no Mineirão, em confronto contra a Chapecoense, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro.