Presidente do Goiás endurece saída de Michael: “Não tem Black Friday”

São Paulo, SP

11-12-2019 16:00:48

O presidente do Goiás fez questão de esfriar a empolgação de todos os clubes em cima de Michael. Revelação do Campeonato Brasileiro, o atacante é principalmente alvo do Corinthians.

Nesta quarta-feira, Marcelo Almeida, mandatário esmeraldino, foi curto e grosso em entrevista ao jornal O Popular.


“O Goiás está irredutível. É o valor da multa e pronto. Não tem desconto, não tem Black Friday do Michael. Não vai ter barganha. Se alguém quiser pagar o que a gente quer, leva”, avisou.

Michael tem contrato com o Goiás até o fim de 2021. Aos 23 anos, tem 75% se seus direitos econômicos ligados ao time de Goiânia. O restante pertence ao seu empresário.

A intenção do Corinthians, no caso, é gastar aproximadamente R$ 20 milhões com Michael e adquirir pelo menos 50% dos direitos do atleta. A oferta não agradou o Goiás.

“Levei o assunto para a pauta. Michael é a bola da vez, assim como já foi Bruno Henrique, Carlos Eduardo, Erik... Temos que aproveitar esses momentos e não vamos nos desfazer dele por qualquer valor”, concluiu Marcelo Almeida.

 

Deixe seu comentário


×
Quer receber notícias do Corinthians?