Preparador inova e dá mais trabalho aos goleiros do Corinthians

Helder Júnior - São Paulo,SP

08-10-2015 12:20:12

Mauri Costa Lima colocou uma lona encharcada para dificultar as defesas dos seus comandados nesta quinta-feira

Os goleiros do Corinthians tiveram um pouco mais de trabalho na manhã desta quinta-feira. Para aprimorar a agilidade dos seus comandados, o preparador Mauri Costa Lima inovou e estendeu uma lona encharcada diante do gol defendido por eles. Assim, a bola adquiria velocidade a cada chute do profissional.

“Fica bem rápido assim. Isso ajuda no jogo”, comentou Cássio, após o trabalho exaustivo. “A gente até costuma molhar o campo antes dos treinos, mas, com esse calor, seca logo. Com a lona, não tem jeito”, acrescentou.

Mauri Costa Lima é exigente com os goleiros corintianos (foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians)
Mauri Costa Lima é exigente com os goleiros corintianos (foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians)

Essa não é a primeira inovação de Mauri, caracterizado pelas finalizações fortes e pela relação de cumplicidade com os goleiros do Corinthians. “Ele tenta piorar cada vez mais os treinos, mas é para o nosso bem. São exercícios importantes que vêm sendo implantados neste ano. Isso faz a gente evoluir”, compreendeu Cássio.

De fato, as inovações estão dando resultado. O Corinthians tem a defesa menos vazada do Campeonato Brasileiro (24 gols em 29 jogos) e, quando não contou com Cássio, celebrou o reserva Walter como destaque.

“Os resultados são positivos, com uma regularidade boa da defesa. Além do Walter, que foi bem quando entrou, os meninos (o jovem Matheus Vidotto é o terceiro goleiro) mantêm um nível de treinamento muito alto, mesmo não jogando”, elogiou Cássio.

Muitas vezes, contudo, nem é preciso ter tanto trabalho quanto nos treinos com lona e água do preparador de goleiros. “Acontece de a gente trabalhar 300, 400 bolas para defender uma no jogo. Mas é melhor que seja assim”, sorriu Cássio, pronto para se exercitar um pouco mais nas dependências internas do CT Joaquim Grava.

Deixe seu comentário