Luan tem aval do DM para jogar; falta de vontade gera incômodo e Corinthians avalia o que fazer

Tiago Salazar e Marina Bufon - São Paulo,SP

06/06/22 | 16:01 - 06/06/22 | 16:53

O meio-campista Luan, atualmente, não passa por nenhum problema muscular ou de lesão no Corinthians. É o que dizem os exames feitos recentemente no atleta.

A Gazeta Esportiva apurou que o jogador tem treinando normalmente, sem qualquer restrição ou orientação especial do departamento médico. Em algumas ocasiões, quando Luan relata alguma dor, ele passa por um trabalho de prevenção no quadril, algo comum e dentro do cronograma de qualquer atleta.

A queixa do camisa 7 na última sexta, quando foi cortado da lista de relacionados para enfrentar o Atlético-GO, pegou a todos de surpresa e elevou o nível interno de incômodo com a situação.

Dirigentes, Vítor Pereira, membros da comissão técnica e do departamento médico têm conversado. A avaliação é que Luan tem cumprido com seus compromissos, mas sem demonstrar vontade de jogar ou de reagir. "O que fazer?" é a pergunta que se faz no CT Dr. Joaquim Grava.

Luan é o único atleta (excetuando Ruan Oliveira, em transição física) que ainda não atuou sob o comando de Vítor Pereira. O português falou sobre isso quando chegou ao clube, em fevereiro, afirmando que o meia teria que “se ajudar”.

“A força do caráter de uma pessoa é muito mais o que vem de dentro do que de fora. O Luan precisa se encontrar com ele próprio, acreditar nele próprio. Conheço ele há muito tempo, sei das qualidades. Mas tem que ser ele, não é o treinador que vai transmitir essa força. Ele tem muita qualidade, é questão de se encontrar, perceber que estou aqui para ajudá-lo e a todos da mesma forma", disse em sua coletiva de apresentação.


Já no último sábado, após a vitória em cima do clube goiano por 1 a 0, o treinador escancarou a situação do jogador ao explicar o motivo dele ter ficado em São Paulo, apesar de tantos desfalques para àquela partida.

“Eu tenho que esclarecer bem a situação do Luan que é para ele não vir aqui. Luan já esteve pelo menos três vezes para ser escalado e, no último momento, vai para o departamento médico. Era para vir, mas, no último treino, queixou-se de dores e foi para o departamento médico. Tem ficado fora de muito treino, pouco tempo trabalhando comigo (...). E precisamos do Luan. Eu não tenho responsabilidade se, no último momento que ele está para ser escalado, ele não vai para o jogo”.

Nesta temporada, Luan entrou em campo em apenas três oportunidades: jogou por sete minutos na vitória contra o Santo André, em janeiro, ainda sob o comando de Sylvinho; entrou no fim da vitória diante do São Bernardo, em fevereiro, já com o interino Fernando Lázaro; e, por fim, em sua única chance como titular, o empate por 1 a 1 diante do Botafogo-SP, também naquele mês.

No total, o Corinthians teve 23 jogos (24 listas de relacionados) desde a chegada de Vítor Pereira, e Luan esteve fora da lista em 20 oportunidades, sendo apenas cinco delas por opção técnica. As demais ausências foram causadas por alguma lesão, processo de transição ou alegação de dor por parte do jogador.

Luan foi anunciado no Corinthians em dezembro de 2019 após uma grande passagem pelo Grêmio, quando foi eleito, inclusive, o Rei da América na conquista da Libertadores, em 2017. O Timão o adquiriu por quatro temporadas ao custo de R$ 28,9 milhões (50% dos direitos) e tem tido muita dificuldade, pelo alto salário do atleta, em encontrar algum clube que aceite o jogador, mesmo que por empréstimo.

Confira abaixo a linha de tempo de Luan desde a chegada de Vítor Pereira:

28 de fevereiro - primeiro treino de Vítor Pereira e sua comissão técnica
4 de março - Luan esteve na lista de relacionados para enfrentar o São Paulo, pelo Paulista
5 de março - não saiu do banco de reservas na derrota por 1 a 0
11 de março - Luan esteve na lista de relacionados para enfrentar a Ponte Preta
12 de março - não saiu do banco de reservas na vitória por 5 a 0
16 de março - Luan esteve na lista de relacionados para enfrentar o Palmeiras
17 de março - não saiu do banco de reservas na derrota por 2 a 1
19 de março - baixa por desconforto no quadril e fora da lista para enfrentar o Novorizontino
23 e 26 de março - fora da lista para enfrentar Guarani e São Paulo, pelas quartas e semi do Paulista, por desconforto no quadril
2 de abril - seu nome é inscrito na Copa Libertadores
4 de abril - continuou fora da lista para enfrentar o Always Ready, na estreia da Libertadores, por desconforto no quadril
8 de abril - início da transição física aos gramados após período com a fisioterapia
9 de abril - continuou fora da lista para enfrentar o Botafogo, na estreia do Brasileirão, na transição física
12 de abril - continuou fora da lista para enfrentar o Deportivo Cali, na transição física
15 de abril - continuou fora da lista para enfrentar o Avaí, na transição física
19 de abril - Luan esteve na lista de relacionados para enfrentar a Portuguesa-RJ, pela Copa do Brasil
20 de abril - não saiu do banco de reservas no empate por 1 a 1 (teve nome pedido pela torcida em Londrina)
23 de abril - não atuou na derrota para o Palmeiras por 3 a 0 (clube fez apagão nas redes sociais e não divulgou relacionados)
25 de abril - ficou fora da lista por opção técnica* para enfrentar o Boca Juniors
30 de abril - ficou fora da lista por opção técnica para enfrentar o Fortaleza
2 de maio - ficou fora da lista por opção técnica para enfrentar o Deportivo Cali
7 de maio - ficou fora da lista para enfrentar o RB Bragantino por dores no quadril
10 de maio - ficou fora da lista para enfrentar a Portuguesa-RJ, pela Copa do Brasil, por dores no quadril
13 de maio - ficou fora da lista para enfrentar o Internacional por dores no quadril
16 de maio - ficou fora da lista para enfrentar o Boca Juniors por dores no quadril
21 de maio - ficou fora da lista para enfrentar o São Paulo, na transição física
25 de maio - ficou fora da lista para enfrentar o Always Ready por opção técnica
28 de maio - ficou fora da lista para enfrentar o América-MG por opção técnica
3 de junho - fora da lista de relacionados para enfrentar o Atlético-GO por dores no quadril
6 de junho - fora da lista de relacionados para enfrentar o Cuiabá por dores no quadril.
Última vez em campo: 19 de fevereiro, no empate por 1 a 1 contra o Botafogo-SP
Último gol marcado: 20 de maio de 2021, contra o Sport Huancayo, pela Sul-Americana

*Todas as vezes em que aparece “opção técnica”, o nome de Luan não estava entre os relacionados e nenhum problema físico foi divulgado.

Deixe seu comentário