Futebol

Corinthians trocou contra-ataques por posse e intensidade, diz Elias

Marcos Guedes - São Paulo , SP - Brasil
28/01/2015 13:01:00

Em: Campeonato Paulista, Corinthians, Futebol

A entrada de Tite no lugar de Mano Menezes no Corinthians não é, segundo Elias, a troca de seis por meia dúzia. O volante apontou uma clara diferença de proposta em 2015, com o gaúcho de Caxias do Sul deixando de lado a aposta do gaúcho de Passo do Sobrado nos contragolpes.

“É um time mais intenso. No ano passado, a gente chamava um pouco o adversário para o nosso campo e explorava os contra-ataques. Claro, a gente jogava também, mas foi a forma usada pelo Mano. Neste ano, estamos trabalhando mais a bola, até se expondo um pouco para ter a posse”, afirmou o meio-campista.

A ideia de Tite é uma marcação adiantada para que a bola seja roubada no campo de ataque. A partir daí, feito o desarme, não há pressa para a definição. A calma na construção das jogadas será a arma para superar equipes retrancadas, como deve ser o Once Caldas em Itaquera.

“Às vezes, vai ser um jogo chato, mas a gente precisa ter paciência e não perder a bola. Tivemos dificuldade no ano passado inteiro com times atrás. Sofremos, perdemos pontos. É preciso ter paciência e rodar a bola, mas sem perder a intensidade”, comentou Elias.

No teste do último sábado, contra o defensivo – e amador – Corinthian-Casuals, o resultado não foi dos melhores. Mesmo diante de uma equipe formada por professores e bombeiros, o Corinthians só marcou aos 33 minutos do segundo tempo, já com vários reservas em campo.

A receita alvinegra não teve bom resultado no amistoso de sábado (foto: Daniel Augusto Jr. - 24/1/15)
A receita alvinegra não teve bom resultado no amistoso de sábado (foto: Daniel Augusto Jr. – 24/1/15) – Credito: Divulgação/Agência Corinthians
A disposição do Marília, no próximo domingo, em Itaquera, não deverá ser muito diferente da adotada pelos ingleses. Será a última chance de fazer os ajustes para o confronto com o Once Caldas, o primeiro no mata-mata com os colombianos por uma vaga na fase de grupos da Copa Libertadores.




×
Quer receber notícias do Corinthians?