Corinthians tem Cauê por empréstimo e sem prioridade de compra estabelecida

Tiago Salazar - São Paulo,SP

09-03-2021 07:00:15

Cauê é um dos jovens talentos das categorias de base do Corinthians que foi promovido ao elenco principal por Vagner Mancini.

Depois de estrear contra o Red Bull Bragantino, o centroavante de 18 anos teve seu momento promissor interrompido por causa da covid-19.

Nos bastidores, a ascensão de Cauê empolga, mas pode gerar preocupação em breve.

O Corinthians detém 40% dos direitos econômicos do atleta. A compra foi feita em 2019.

A Gazeta Esportiva apurou também que o Novorizontino, além de manter 60%, apenas emprestou o jogador ao Timão na ocasião. O atual vínculo do clube do interior com Cauê vai até novembro de 2023.

O contrato de empréstimo do Corinthians expira em março de 2022. E não há nem opção de compra nem prioridade estabelecidas.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

Portanto, uma eventual valorização do jogador pode colocar o Corinthians em concorrência complicada no mercado para negociar com o Novorizontino.

Por precaução, os dirigentes alvinegros já abriram conversas com o intuito de renovar o acordo.

Sem condição de investir agora, o Corinthians vai tentar estender o empréstimo e obter prioridade para firmar um contrato definitivo com o jogador no futuro. O Novorizontino aguarda um posicionamento oficial e vê com bons olhos a permanência de Cauê no Timão.

Cauê foi artilheiro no Brasileirão Sub-17 pelo Corinthians, em 2019, e tem sido convocado para a Seleção Brasileira Sub-20.

Após atuar pouco mais de 20 minutos no time principal, o jogador foi bastante elogiado pelo técnico da equipe.

"Cauê (jogou) muito bem. Isso abre uma perspectiva muito interessante, até para atuar com um homem mais de área no dia que não tivermos o Jô. O Cauê mostrou que pode ser muito útil, abre a possibilidade de alterar a equipe e fazer com que a equipe jogue de uma maneira diferente", avaliou Mancini na ocasião.


Deixe seu comentário