Corinthians joga “um tempo só” e busca empate contra o Avaí na Ressacada

São Paulo, SP

06/08/22 | 20:58 - 06/08/22 | 22:40

O Corinthians foi até a Ressacada e, após jogar mal o primeiro tempo, buscou o empate por 1 a 1 contra o Avaí, na noite deste sábado, pela 21ª rodada do Brasileirão. Com o resultado, o Alvinegro manteve a segunda colocação, com 39 pontos, mas pode ver o líder Palmeiras (42 pontos) disparar neste domingo. Já o Leão da Ilha manteve a 16ª posição, com 22.

Depois de um primeiro tempo com baixa qualidade técnica, o gol do Avaí saiu aos 35 minutos, quando Pottker foi derrubado dentro da área por Balbuena, e Bissoli converteu a cobrança de pênalti.

Na etapa complementar, com a entrada de Yuri Alberto e o ataque no posicionamento conhecido, a equipe melhorou e chegou com perigo algumas vezes. O empate veio em gol de cabeça de Balbuena, que se rendeu após a penalidade cometida.

Vale mencionar que Renato Augusto, que estava sem jogar há 13 jogos, foi o autor da assistência em cobrança de escanteio. Do outro lado, Paolo Guerrero, ex-Timão, fez sua estreia na Ressacada e pouco fez em campo.

A sequência do Corinthians não será nada fácil: na próxima terça, visita o Flamengo, no Maracanã, pela volta das quartas da Libertadores, precisando reverter o placar de 2 a 0. Depois, recebe o Palmeiras, na Neo Química Arena, pela 22ª rodada, no sábado.

Por fim, duela contra o Atlético-GO novamente em casa, na outra quarta-feira, com a necessidade de reverter também um 2 a 0, mas pelas quartas da Copa do Brasil. Já o Avaí só volta a entrar em campo no sábado que vem, quando visita o Goiás, na Serrinha, às 16h30 (de Brasília), pelo Brasileiro.


O jogo

1º tempo morno e pênalti para o Avaí

Os primeiros seis minutos foram de domínio de posse de bola dos donos da casa, que não deixavam espaços para o Corinthians sair de seu campo de defesa.

Aos sete, porém, aconteceu a primeira investida alvinegra, quando Rafael Ramos recebeu pela direita e cruzou de primeira. Róger Guedes cabeceou para fora.

Quase no dobro do tempo, aos 13, Pottker recebeu com liberdade na entrada da área. Ao tentar cruzar, acabou cortado pela defesa. Pouco depois, Gustavo Silva foi derrubado no lado esquerdo e, na cobrança da falta, Gil cabeceou nas mãos de Vladimir.

A resposta da falta aconteceu aos 17, quando Bruno Silva foi atingido por Giuliano. A cobrança, em jogada ensaiada, acabou com falta em cima de Cássio.

Jogo seguiu com algumas investidas do Avaí, com Pottker e Bissoli, sem perigo. Roni, pela direita, e depois Piton, na esquerda, tentaram chegar com cruzamentos. A resposta, mais certeira da primeira etapa, foi em chute colocado de Pottker após passe de Bruno Silva. A bola foi por cima do gol.

Aos 33 minutos, em jogada individual de Pottker, Balbuena foi imprudente e derrubou o atacante dentro da área, com pênalti marcado pelo árbitro. Na cobrança, Bissoli fez - o décimo dele na Série A. Depois disso, pouco aconteceu até o apito para o intervalo.

2º tempo melhor e busca pelo empate

Vítor Pereira optou pela entrada de Yuri Alberto no lugar de Fábio Santos. Com menos de um minuto, o camisa 7 recebeu de Róger Guedes e chutou rasteiro, raspando na trave de Vladimir. Mais agudo, o Corinthians continuou chegando em cruzamentos pelos lados, tentando aproveitar o bom momento no duelo.

Aos oito, Pottker fez ótima jogada pela direita, passando por Balbuena, mas cruzamento parou em Rafael Ramos. Na sequência, Yuri Alberto passou por dois marcadores no meio e tocou para Guedes, que driblou o goleiro e marcou, mas o impedimento foi marcado.

O próprio camisa 9 recebeu na entrada da área e cruzou, mas Giuliano acabou cabeceando para fora, fraco. VP colocou Fausto e Renato Augusto nos lugares de Roni e Giuliano, na tentativa de melhorar a transição para o ataque, além de minutagem ao camisa 8, que não jogava há 13 partidas.

Aos 29 minutos, Renato sofreu falta perto da área, mas, na cobrança, Róger mandou para fora, após desviar na zaga. Na cobrança do escanteio de Renato, Balbuena subiu mais alto e empatou o duelo.

Depois de um tempo parado por conta de sinalizadores na torcida visitante, o Corinthians foi para cima com Ramiro, que cruzou para a área. Yuri não alcançou e acabou atrapalhando Fausto, que chegava por trás. Aos 48, Renato Augusto recebeu na entrada da área, cortou para dentro e chutou de canhota, passando bem perto do gol. O jogo ficou lá e cá, mas o placar não foi alterado.

FICHA TÉCNICA
AVAÍ 1 X 1 CORINTHIANS

Local: Estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC)
Data: Sábado, 06 de agosto de 2022
Horário: às 19 horas (de Brasília)
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (GO-Fifa)
Assistentes: Bruno Raphael Pires (GO-Fifa) e Bruno Boschilia (PR-Fifa)
VAR: Daniel Nobre Bins (RS)
Cartões amarelos: Muriqui e Vladimir (Avaí); Fausto (Corinthians)
GOLS: Avaí: Bissoli, aos 35 minutos do primeiro tempo; Corinthians: Balbuena, aos 31 do segundo tempo.
Público total: 12.648 torcedores

AVAÍ: Vladimir; Kevin (Renato), Bressan, Rafael Vaz e Bruno Cortez; Raniele, Bruno Silva, Eduardo Biasi (Jean Pyerre); Muriqui (Lucas Ventura), William Pottker e Guilherme Bissoli (Guerrero). Técnico: Eduardo Barroca.

CORINTHIANS: Cássio; Rafael Ramos, Gil, Balbuena, Fábio Santos (Yuri Alberto); Cantillo (Du Queiroz), Roni (Renato Augusto), Giuliano (Fausto Vera); Lucas Piton, Gustavo Silva (Ramiro) e Róger Guedes.

Técnico: Vítor Pereira.

Deixe seu comentário