Corinthians deixa porta aberta, mas não se sensibiliza com desejo de Diego Costa

Tiago Salazar - São Paulo,SP

30-12-2021 07:00:32

O Corinthians não vai se sensibilizar pelo desejo de Diego Costa em defender o Timão em 2022.

A Gazeta Esportiva apurou que a diretoria alvinegra está decidida a manter a postura nas conversas sobre a possibilidade do centroavante reforçar o elenco de Sylvinho.

Portanto, para Diego Costa jogar no Corinthians ele terá de se resolver com o Atlético-MG, e esse embate não terá participação da cúpula paulista.

No Galo, todos já estão cientes da vontade de Diego Costa em sair. Dirigentes atleticanos e representantes do jogador estão tentando encontrar uma solução.

No Corinthians, o entendimento é de que Diego Costa seria, sim, um bom reforço, desde que o clube não precise arcar com nenhuma multa e que Diego tope reduzir seu salário. Fora isso, o Timão não pretende fazer nenhum esforço extra para contratar o atleta de 33 anos.


Diego Costa tem contrato com o atual campeão brasileiro até o fim de 2022, com garantia de receber cerca de R$ 20 milhões nos próximos 12 meses.

A multa estipulada em contrato é de R$ 16 milhões e passou a ser colocada como condicionante pelo Galo.

Entre Atlético e Diego havia um "acordo de cavalheiros" para liberação, sem necessidade de pagamento de multa, caso o atleta resolvesse sair na janela de janeiro. Mas, as conversas mudaram a partir do momento que os atleticanos souberam que o rumo do centroavante poderia ser o Corinthians.

Diego Costa foi um dos jogadores oferecidos ao Timão em meio a essa busca pública do alvinegro paulista por um novo camisa 9.

O Corinthians continuará monitorando a situação, mas sem perder o foco nas conversas com Cavani e Suárez, e também sem descartar uma nova opção.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

Deixe seu comentário