Gazeta Esportiva

Goleiro Henao, ex-Santos, é internado após sofrer paralisia facial

São Paulo, SP

05/05/16 | 15:32

Henao teve que abandonar a concentração e retornar a Manizales para exames (Foto: Divulgação/Conmebol)
Henao teve que abandonar a concentração da equipe e retornar a Manizales para exames (Foto: Divulgação/Conmebol)

Juan Carlos Henao, atual goleiro do Once Caldas e conhecido no futebol brasileiro por uma passagem no Santos, foi internado na última quarta-feira em Manizales, na Colômbia, após sofrer uma paralisia facial periférica.

O arqueiro de 44 anos chegou a se concentrar com o grupo do Once Caldas para o confronto contra o Independiente Medellín, na última quarta-feira, pela Copa Colômbia, mas teve que retornar para a cidade de Manizales após o problema na face.

"Na checagem médica (na terça-feira), vimos uma anomalia no rosto, que consistia em um desvio da comissura labial para o lado esquerdo", disse o médico do Once Caldas, Gustavo Vinasco, à página oficial de Facebook do clube.

Henão também teve uma pálpebra caída e não conseguia fechar o olho. Com isso, o quadro foi tratado com mais urgência. Após atendimento por um neurologista em Manizales, o arqueiro teve a paralisia facial periférica confirmada.

Gustavo Vinasco, porém, afirma que a situação do jogador não tem nenhuma gravidade. "É um feito fortuito, pode acontecer a qualquer pessoa, pode ser por mudanças de temperatura, estresse, por um vírus, etc", tranquilizou.

O médico também afirmou que o problema não tem nenhuma relação com o quadro hipoglicêmico apresentado pelo jogador na pré-temporada de 2014 e também em 2016, que o levou até a sofrer uma convulsão de dez minutos. "Não tem nada a ver com as convulsões que ele apresentou por hipoglicemia (baixa de açúcar no sangue)", disse.

Como a recuperação de Henao depende das respostas à terapia de recuperação, os médicos não podem definir um prazo de retorno do goleiro aos gramados.

Deixe seu comentário