Alan Ruschel valoriza eficiência da Chape após vitória: “Fomos cirúrgicos”

São Paulo, SP

22-11-2018 23:14:36

Alan Ruschel não escondeu o sentimento de missão cumprida após a vitória da Chapecoense sobre o Sport por 2 a 1 nesta quinta-feira, na Arena Condá, pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro. Passada a partida, o lateral-esquerdo valorizou a eficiência da equipe, que abriu 2 a 0 antes dos dez minutos de jogo graças aos gols de Leandro Pereira.

“Fomos cirúrgicos, as chances que tivemos no começo do jogo nós aproveitamos. Estivemos muito mais próximos de fazer o terceiro e o quarto gol do que levar o primeiro, mas acabamos sofrendo um gol. Foi sofrido até o final. Se não fosse sofrido, não seria Chapecoense”, disse Alan Ruschel ao Premiere.

“A gente precisava dessa vitória, sabíamos que estávamos devendo para o torcedor. Esse jogo é um jogo de entrega. Não que não estávamos nos entregando nos outros jogos, mas, às vezes, acabávamos errando alguma coisa e éramos crucificados”, completou.

Agora fora da zona de rebaixamento do Brasileirão, a Chape só depende de si para se manter na elite do futebol nacional. Garantir a permanência na Série A de 2019 seria um alento principalmente nesta época do ano – na próxima segunda-feira o acidente aéreo que matou grande parte da delegação da Chapecoense completa dois anos.

“Acho que é a continuação de um legado, sofremos bastante com tudo o que aconteceu e não seria justo entregar o time em uma Série B. Falta muito, claro, mais dois jogos ainda, temos que vencer, não temos nada garantido, mas foi um grande passo para a permanência”, concluiu Alan Ruschel, um dos seis sobreviventes do acidente aéreo.

Deixe seu comentário