Dividida, Seleção treina na Argentina antes de voltar ao Brasil

São Paulo, SP

14-11-2015 14:00:43

Na manhã seguinte ao empate por 1 a 1 contra a Argentina, a Seleção Brasileira dividiu-se em dois grupos para treinar antes de deixar o país vizinho rumo a Salvador, onde enfrenta o Peru na terça-feira. Enquanto os titulares do duelo no Monumental de Núñez ficaram no hotel fazendo trabalho regenerativo, os reservas e atletas que entraram durante a partida foram a campo no CT do Boca Juniors.

Para os titulares, a rotina de exercícios começou com trabalho leve na academia do hotel, seguido por sessão regenerativa na piscina. Tudo sob os olhares do preparador físico da Seleção e do Corinthians, Fábio Mahseredjian, que tem preocupação especial porque, com o adiamento do jogo de quinta para sexta-feira devido a fortes chuvas, perdeu um dia de preparação para o próximo duelo.

Já quem não enfrentou a Argentina ou entrou durante o jogo (casos de Gil, Renato Augusto e Douglas Costa) trabalhou na companhia e sob instruções do treinador Dunga e do assistente Andrey Lopes, que promoveram atividade técnica no CT do Boca Juniors.

Agora a programação do grupo canarinho prevê viagem a Salvador às 15 horas (de Brasília), em voo fretado. Com chegada à capital baiana prevista para as 19 horas, a delegação já deve se encontrar por lá com o zagueiro Jemerson, do Atlético-MG, convocado para substituir David Luiz, expulso no Monumental de Núñez.

O próximo desafio é contra o Peru, na Arena Fonte Nova, às 22 horas (de Brasília – e 21h no local) de terça-feira. A equipe de Paolo Guerrero vem embalada por sua primeira vitória nas Eliminatórias, diante do Paraguai, e promete fazer jogo duro contra o Brasil.

“Todo jogo de Eliminatória vai ser difícil. Sabemos que não tem mais equipe boba no futebol, todas têm qualidade. Vai ser muito difícil e temos que nos concentrar para fazer uma grande partida”, projetou o volante Luiz Gustavo.

Deixe seu comentário